Mercado Novidades

Retomada? Exportações de veículos bate recorde no Brasil em 2017

Crescimento foi de quase 50% em relação a 2016
(reprodução/Ivan Bueno)

Enquanto as vendas de automóveis e comerciais leves subiram 9,36% no ano passado em relação a 2016 (dados Fenabrave), as exportações no Brasil chegaram a uma marca histórica: 2017 foi o ano em que o país mais comercializou veículos para o exterior em sua história, segundo a Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores).

De acordo com a entidade, no ano passado foram exportadas 762 mil unidades, o que representa uma alta de 46,5% em comparação com 2016 — quando foram exportados 520,1 mil veículos. Até então, a melhor marca registrada em exportações no Brasil foi 2005, ano em que 724,2 mil unidades foram vendidas. Já na comparação do mês, dezembro ficou 16,3% abaixo das 73,1 mil unidades emplacadas em novembro, enquanto em relação a dezembro de 2016 houve uma queda de 2,6%.

A boa notícia é que as exportações contribuíram para o aumento da produtividade nas fábricas locais. No ano passado, foram produzidos 2,70 milhões de unidades, uma alta de 25,2% perante aos 2,16 milhões de veículos feitos em 2016.

Por fim, quando se fala de mercado, o ano de 2017 encerrou-se com 2,24 milhões de veículos vendidos, ou 9,2% a mais do que o comercializado em todo o ano de 2016 (2,05 milhões).

“O ano passado ficará marcado positivamente. Primeiro porque batemos o recorde histórico das nossas exportações e, segundo, porque foi de fato o ano da retomada do crescimento após quatro anos seguidos de queda”, avaliou Antonio Megale, presidente da Anfavea.

A previsão para 2018 é otimista, já que a Anfavea prevê crescimento em todas as vertentes: 11,7% no licenciamento (2,50 milhões de unidades), 5% na exportação (800 mil unidades) e 13,2% na produção (3,06 milhões de unidades). “A conjuntura macroeconômica indica cenário otimista, pois a inflação em baixa, câmbio estável e expectativa de crescimento do PIB possibilitam a retomada da confiança do consumidor e do investidor. Mesmo sendo um ano com eleições e uma reforma previdenciária a ser aprovada, 2018 deve seguir rumo crescente na economia e na indústria automobilística”, concluiu Megale.

Veja mais:

>> Mercado: Onix é o carro mais vendido do Brasil pelo 3º ano seguido

>> Veja quais foram os esportivos mais vendidos no Brasil em 2017

>> Nota fiscal de pedágio agora poderá ser solicitada pela internet

Sobre o autor

Redação

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva

Instagram