Destaque Novidades

BYD supera Tesla e se torna maior marca de carros elétricos do mundo

Enquanto a Volkswagen promete passar a Tesla no futuro, quem destronou a montadora do Model 3 foi a chinesa BYD
BYD Han [Auto+ / Maurício Garcia]
BYD Han [Auto+ / Maurício Garcia]

Começando agora a vender seus carros elétricos no Brasil, a BYD já tem um novo título: maior fabricante de carros elétricos do mundo. Anteriormente pertencente à Tesla, esse posto foi tomado pela montadora chinesa após a divulgação dos dados de vendas do primeiro semestre de 2022.

A BYD vendeu 641.400 carros elétricos ao redor do mundo contra 564 mil Tesla. E os números de vendas da BYD consideram somente os carros 100% movidos a energia elétrica, como o Tan e o Han comercializados por aqui. Contudo, a marca ainda tem modelos híbridos, a exemplo do Qin e do Song que serão disponibilizados por aqui em breve.

Ou seja, o número de carros que a BYD vendeu no mundo nessa primeira metade de 2022 é muito maior que o total de emplacamentos de diversas marcas de grande porte. Afinal, somente em elétricos ela superou a Tesla. Essa é a primeira vez que a marca de Elon Musk perde o título de maior fabricante de carros elétricos do mundo desde que conquistou o posto.

Tesla Model 3 [divulgação]
Tesla Model 3 [divulgação]
Ainda assim, o carro elétrico mais vendido do mundo segue como o Tesla Model 3, vale ressaltar. Interessante é notar a estratégia de cada marca. BYD e Tesla brigam ferrenhamente na China, país de origem da fabricante do Han e do Tan, mas região estratégica para a marca do Model 3 e Model Y.

Comendo pelas beiradas

Contudo, a atuação global de cada uma é diferente. A BYD aposta em países em desenvolvimento como América Latina e Caribe, tanto que tem uma fábrica de ônibus elétricos em Campinas, São Paulo. Mercados ditos como secundários por muitas marcas e modelos mais baratos são o foco da chinesa. Aliás, a Tesla não tem atuação oficial no Brasil e nem pretende fazer isso a curto prazo.

BYD Tan [divulgação]
BYD Tan [divulgação]
Ao contrário da BYD que negocia comprar a fábrica da Ford em Camaçari, Bahia. Ou seja, já se prepara para ter a terceira fábrica em solo nacional (a segunda hoje existente faz baterias). Além disso, a chinesa fechou o primeiro semestre de 2022 no Brasil com 25 concessionárias abertas.

Já a Tesla aposta em Europa e, principalmente, EUA, sua terra natal. Por lá ela tem conquistado status de marca premium e batalhando diretamente com Audi, BMW e Mercedes-Benz. Essas três marcas são o alvo da BYD no Brasil, por isso por aqui a marca traz somente seus modelos mais sofisticados.

Tesla Model S (divulgação)

>>BYD Han é o maior tapa na cara de um carro no Brasil | Avaliação

>>Volvo prepara elétrico contra Tesla Model S, BYD Han e Porsche Taycan

>>BYD deve comprar fábrica da Ford em Camaçari, mas não por inteiro

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar