Destaque Mercado

Chevrolet Onix, Onix Plus e Tracker sobem de preço no Brasil

Nova tabela de preços da Chevrolet coloca algumas cifras a mais no preço de Onix, Onix Plus e Tracker
Chevrolet Onix RS [Auto+ / João Brigato]
Chevrolet Onix RS [Auto+ / João Brigato]

Enquanto algumas marcas aumentaram o preço de todos os seus carros ao mesmo tempo nos últimos dois meses, a Chevrolet fez reajustes por partes. As vítimas dos aumentos dessa vez foram os irmãos Onix, Onix Plus e Tracker. Os aumentos foram modestos, mas suficientes para tirar o Onix da faixa dos R$ 60 mil redondos.

O Chevrolet Onix 1.0 sem nome agora parte de R$ 61.090 ante os R$ 60.790 anteriormente cobrados – representando um aumento de R$ 300. O reajuste de R$ 400 chegou às versões LT 1.0, LT Turbo, LTZ Turbo, LTZ Turbo Automática e Premier I.

Vale lembrar que o Chevrolet Onix é equipado com motor 1.0 três cilindros aspirado com 83 cv e 10,6 kgfm de torque nas versões sem nome e LT. As demais variantes usam a versão turbinada do tricilíndrico com 116 cv e 16,8 kgfm de torque.

Transmissão manual de seis marchas somente para as versões aspiradas e as turbo LT e LTZ. Já as variantes Sem nome Turbo, RS e Premier I e Premier II são sempre automáticas com seis marchas.

Onix preços e versões

1.0 – R$ 61.090
LT 1.0 – R$ 62.990
Turbo AT – R$ 65.390
LT Turbo – R$ 68.530
LT Turbo AT – R$ 74.060
LTZ Turbo – R$ 71.930
LTZ Turbo AT – R$ 77.490
RS– R$ 78.480
Premier I – R$ 82.290
Premier II – R$ 85.620

Chevrolet Onix Plus Midnight [Auto+ / João Brigato]
Chevrolet Onix Plus Midnight [Auto+ / João Brigato]

Onix Plus

Seguindo os reajustes de preços aplicados no irmão hatch, o Onix Plus só escapou do reajuste na versão Turbo sem nome por ser destinada ao público PCD. Essa variante mantém os R$ 68.390 anteriormente cobrados, enquanto as demais versões encareceram entre R$ 330 e R$ 440.

Diferentemente do Onix hatch, o Plus tem motor 1.0 aspirado somente na versão de entrada LT. As demais versões usam motor 1.0 turbo de 116 cv e 16,8 kgfm de torque. Câmbio manual é oferecido no modelo aspirado e até à versão LTZ. Já as variantes Midnight, Premier I e Premier II são sempre automáticas de seis marchas.

Chevrolet Onix Plus Midnight [Auto+ / João Brigato]
Chevrolet Onix Plus Midnight [Auto+ / João Brigato]

Onix Plus preços e versões

LT 1.0 – R$ 66.520
Turbo AT – R$ 68.390
LT Turbo – R$ 73.260
LT Turbo AT – R$ 78.880
LTZ Turbo – R$ 76.780
LTZ Turbo AT – R$ 82.290
Midnight – R$ 85.620
Premier I – R$ 86.620
Premier II – R$ 89.830

Chevrolet Tracker LT [Auto+]
Chevrolet Tracker LT [Auto+]

Tracker

Com pequenos ajustes, não foi dessa vez que todas as versões do Chevrolet Tracker passaram de R$ 100 mil. A única exceção continua a ser o modelo 1.0 turbo manual sem nome de R$ 82.850 – que está R$ 460 mais caro que antes.

Com câmbio automático de seis marchas, o Tracker agora parte de R$ 101.190, representando um aumento de R$ 500 em relação ao valor anteriormente cobrado. As versões Premier 1.0 Turbo e Premier 1.2 Turbo passaram por reajustes de, respectivamente, R$ 590 e R$ 640.

Chevrolet Tracker LT [Auto+]
Chevrolet Tracker LT [Auto+]
Ao contrário dos irmãos Onix, o Tracker é vendido somente com motor turbo no Brasil. Ele usa o mesmo 1.0 três cilindros turbo de 116 cv e 16,8 kgfm de torque em praticamente todas as versões. A exceção é a Premier topo de linha que usa um 1.2 três cilindros turbo de 133 cv e 21,4 kgfm de torque.

Tracker preço e versões

Turbo manual – R$ 92.850
LT – R$ 101.690
LTZ – R$ 110.340
Premier 1.0 – R$ 118.580
Premier 1.2 – R$ 126.830

>>Avaliação: Chevrolet Tracker LT é um belo sorvete de creme Haagen-Dazs

>>Chevrolet Onix RS mira esportividade, acerta no conforto – Avaliação

>>Onix Plus Midnight: sem erro como uma camiseta preta – Avaliação

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

Um comentário

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva