Destaque Novidades

Chevrolet Onix RS e Onix Plus Midnight estreiam no Brasil

Onix RS tem apelo esportivo, mas esqueceu do câmbio manual, já Onix Plus Midnight traz série especial para as bases
Chevrolet Onix
Onix Plus Midnight - Onix RS 01 [divulgação]

Já disponível em outros mercados, o Chevrolet Onix RS finalmente chega ao Brasil. E ele vem acompanhado: o sedã Onix Plus estreia versão Midnight. Preços serão revelados somente em outubro quando a linha 2021 for lançada.

Onix Plus Midnight e Onix RS trazem o mesmo conjunto mecânico, composto por motor 1.0 três cilindros turbo de 116 cv e 16,8 kgfm de torque atrelado a transmissão automática de seis marchas.

Para quem estava esperando por um Onix manual mais refinado que o LTZ, e que honraria a pegada esportiva da sigla RS, ficará decepcionado. Vale lembrar que o Onix RS produzido no Brasil e exportado para outros mercados conta com câmbio manual. Não houve também acerto diferenciado de suspensão ou direção para o novo Onix RS.

Posicionados entre as versões LTZ e Premier, o Chevrolet Onix RS e o Onix Plus Midnight trazem faróis escurecidos com projetores (como no Premier) grade frontal diferenciada com estilo mais esportivo, rodas de liga-leve em preto e logotipo preto.

O hatch vai além com aerofólio em preto bem destacado e saia lateral. Ele está disponível nas cores Branco Summit, Vermelho Carmim e Preto Ouro Negro. Já o sedã tem somente a cor preta especial da série Midnight que conta com acabamento perolizado e verniz extra.

Por dentro a temática escura domina com acabamento preto nos bancos, logotipo e painel com acabamento escurecido. O Onix RS tem teto preto por dentro, item não encontrado no Onix Plus Midnight exclusivo da versão com apelo esportivo.

A lista de equipamentos é a mesma da versão Premier de entrada, incluindo a luz diurna de LED e faróis com projetores. Na lista de itens está central multimídia com Android Auto e Apple CarPlay (agora com tela de 8 polegadas), wi-fi, ar-condicionado analógico, carregador de celular por indução, chave presencial, sensor e câmera de ré, assistente de partida em rampa, controle de tração e estabilidade, além de monitoramento de pressão dos pneus.

Veja mais:

>> Cinco carros que fracassaram e que o brasileiro já esqueceu

>> Impressões: e-tron Sportback é elétrico por acaso e Audi por completo

>> Peugeot 208 é o 9º carro elétrico mais vendido do mundo

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar