Destaque Novidades

Chevrolet Onix SS é uma possibilidade para o futuro, aponta marca

Além do Camaro SS, outros modelos da Chevrolet poderão usar a sigla icônica muito em breve e um dos mais cotados é o hatch compacto Onix
Chevrolet Onix RS [Auto+ / João Brigato]
Chevrolet Onix RS [Auto+ / João Brigato]

Com a introdução da linha esportivada RS no Brasil e na América Latina, a GM já pensa na expansão de sua gama de esportivos. Prova disso é que além de mais modelos RS, a marca norte-americana cogita trazer a sigla SS para outros modelos além do Camaro. E um deles pode ser o Chevrolet Onix.

Se no começo dos anos 2000, a sigla SS estampou versões visualmente exageradas de Corsa, Astra e até Meriva, agora a Chevrolet tem sérias intenções com ela. Segundo Agustín Mazzola, gerente de produto da GM América do Sul, em entrevista ao site argentina 16valvulas, a possibilidade de ir além das versões RS é grande.

“Hoje estamos estudando opções distintas e que não seriam o mesmo conceito de um RS, mas sim que poderíamos chamar de SS. Como ocorre com o Camaro RS e o Camaro SS”, confirma o executivo.

A ideia, portanto, seria oferecer os modelos RS como uma variante esportiva visual enquanto os SS iriam além com uma performance devidamente modificada. A lógica segue o que a Toyota faz com os carros GR Sport (visual esportivo) e GR (esportivos de fato) ou a Volkswagen com R-Line e GTI/GTS/GLI.

Chevrolet Onix RS [Auto+ / João Brigato]
Chevrolet Onix RS [Auto+ / João Brigato]
A última vez que a Chevrolet flertou com essa ideia foi com o conceito Cruze SS em 2018 no Salão de São Paulo. O modelo contava com motor 1.4 turbo de 300 cv e visual modificado. O futuro da sigla, no entanto, deverá atingir modelos de maior volume, como o Onix.

A fórmula para um Onix SS está praticamente pronta. O modelo poderá usar o motor 1.2 turbo do Tracker com 133 cv e 21,4 kgfm de torque. A lógica seria a mesma do Volkswagen Polo GTS que traz o motor 1.4 TSI do T-Cross. Como Tracker e Onix dividem plataforma e milhares de componentes, a troca de motores é fácil.

Chevrolet Onix RS [Auto+ / João Brigato]
Chevrolet Onix RS [Auto+ / João Brigato]
Além disso, o Onix Plus já é oferecido em alguns mercados com esse motor 1.2 turbo, o que deixaria a vida da GM ainda mais fácil para criar o Onix SS. Tanto que, antes do lançamento da versão RS, já era especulado que o modelo poderia usar o motor mais potente. O que dificilmente acontecerá será o uso de transmissão manual.

>>Chevrolet Onix RS mira esportividade, acerta no conforto – Avaliação

>>Onix líder dos carros mais vendidos de 2020, FCA tem 4 carros no top 10

>>Onix RS manual estreia por R$ 122 mil na Argentina

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

Um comentário

Clique aqui para comentar

  • Acho que seria melhor se trouxessem o motor 1.3T do Monza…mas ai mataria o custo-benefício do modelo, a grande arma contra a concorrência. Mas se vão colocar o 1.2 do Tracker, pq não subir para uns 145 cv e uns 22,5 kgfm no etanol e uns 140 cv e 22 kgfm na gasolina, né? Acho que com esses números, ele passaria dos 200 km/h e levaria uns 8,5s para chegar a 100 km/h, que não seria nada mal para um hatch esportivo de entrada.

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva