Destaque Novidades

Chevrolet Onix voltará a ser produzido em Gravataí depois de 5 meses

GM confirmou o retorno da produção de Onix e Onix Plus na unidade gaúcha para o próximo dia 16, depois de parar de produzir os compactos em março
Chevrolet Onix
Chevrolet Onix 2022 [divulgação]

A Chevrolet vai retomar a produção da dupla Onix e Onix Plus no mercado. Produzidos em Gravataí (RS), hatch e sedã voltaram a ser fabricados no próximo dia 16 de agosto, segunda-feira. Depois de alguns adiamentos do retorno pela falta de peças, a GM confirmou retomada em turno único, já produzindo a linha 2022.

Apresentada em abril, a linha 2022 da dupla não se altera em nada na lista de equipamentos, mas sim na tabela de preços. “O Onix é o carro preferido do consumidor brasileiro, e o retorno da produção é importante pois vamos começar a atender aos milhares de clientes que aguardam pelo produto nas concessionárias Chevrolet pelo país”, disse Carlos Zarlenga, presidente da GM América do Sul.

Por enquanto, a GM confirmou que a retomada da produção será para todas as versões, desde o 1.0 até as versões Premier. A produção estava paralisada desde março deste ano, quando a Chevrolet confirmou que estava sendo afetada pela falta de semicondutores para a produção e já tinha dado o alerta que o retorno poderia demorar.

Chevrolet Onix

Esses cinco meses de paralisação afetaram bastante a vida do Onix no mercado. Além de perder a liderança no mercado que tinha desde 2015, o hatch compacto caiu para a sexta colocação no acumulado do ano, com cerca de 28 mil unidades a menos que a líder Fiat Strada. O prejuízo foi tanto que fez a Chevrolet cair da terceira para a sétima colocação entre as marcas.

Em resposta a falta de unidades nas concessionárias, em junho a GM confirmou que Onix, Onix Plus e Tracker eram equipados com o dobro de semicondutores que alguns rivais. Na época, o grupo definiu que em uma unidade existem “aproximadamente mil semicondutores e sistemas integrados espalhados por quase 20 módulos e que o número de componentes chega a ser até o dobro da quantidade encontrada em outros modelos da mesma categoria”.

Chevrolet Onix

A maioria desses componentes são usados em itens de segurança e conveniência, além de equipamentos de conectividade e no motor. Desenvolvido sobre a plataforma modular GEM e apresentado em 2019 em sua segunda geração, o Onix ainda não deve comemorar o retorno da produção. Isso porque a escassez de equipamentos pode se prolongar até o primeiro semestre de 2022, segundo a Anfavea.

Chevrolet Silverado EV elétrica contará com rodas traseiras direcionais

BMW estuda produzir carros híbridos e elétricos em Araquari

Toyota não vai produzir carros e motores até fim do mês

Sobre o autor

Redação

Comente

Clique aqui para comentar