Curiosidades Destaque

Cinco carros que viraram memes na internet

Tudo começa com uma brincadeira, mas esses carros viraram memes tão presentes na internet que algumas marcas até os abraçaram
Fiat Uno com escada [divulgação] carros memes
Fiat Uno com escada [divulgação]

Das melhores coisas que os brasileiros sabem fazer são os memes. Podemos estar em situações difíceis ou até sob ameaça que o povo continua a fazer piadas. Além, é claro, de inventar maneiras novas de zombar de algo. E não poderia ser diferente com os carros, que também viram memes.

Ainda que seja para um público mais nichado, os memes envolvendo alguns carros ultrapassam as barreiras dos entusiastas e caem na boca do povo. Muitas vezes criando até mesmo alguns mitos em torno de alguns modelos. Confira nessa lista especial cinco carros que viraram meme na internet.

Fit batido [@fitbatido]
Fit batido [@fitbatido]
Honda Fit

Por culpa da página Fit Batido no Instagram (@fitbatido), o hatch compacto da Honda se tornou um dos grandes memes da internet brasileira. O mito criado nas redes diz que todo Fit se não sofreu uma batida, ainda sofrerá. A página coleciona fotos, vídeos e reels do compacto acidentado.

Grande parte da culpa desse meme se dá pelo fato de que o Honda Fit, em todas as gerações, tem tampa traseira bastante longa e praticamente rente ao para-choque. Com isso, pequenos esbarrões no trânsito já são suficientes para amassar a tampa do porta-malas, Algo que não aconteceria com um para-choque mais longo, como a Honda adotou recentemente.

Fiat Uno / Mille

Qual o carro mais rápido do mundo? SSC Tuatara? Bugatti Chiron? Não: o Fiat Uno com escada no teto. Abraçado até pela Fiat, o meme envolvendo o carro mais icônico da marca italiana tem um fundamento. Por ser usado frequentemente por empresas de telefonia, é comum ver o pequeno Uno com escadas em seu teto.

Contudo, alguns motoristas imprudentes muitas vezes abusam da velocidade alta no hatch compacto, o que gerou o meme. O mito sugere que cada degrau adiciona 10 cv ao motor do Uno – o que sabemos que, na prática, não tem lógica alguma. Aliás, a escada no teto adiciona peso e piora a aerodinâmica, o que reduz a velocidade.

Hyundai HB20 Sport (divulgação)

Hyundai HB20

Antes do maldoso apelido de bagre que a nova geração recebeu, o Hyundai HB20 já era alvo de memes. Especificamente pela grande presença do modelo na cor branca em estacionamentos de faculdade. Assim, o hatch compacto sul-coreano, especificamente na cor branca, parece ter tornado um padrão.

Muitas vezes o meme é usado de maneira pejorativa para ressaltar situações de privilégio de alguns estudantes universitários sustentados pelos pais.

Volkswagen up! TSI

Entre brincadeiras com seu formato de pote de sorvete e comentários maldosos por ser um subcompacto, o Volkswagen up! TSI virou um meme abraçado até pela própria Volkswagen. Apesar de não ser um esportivo, ele é um carro rápido e ágil, ganhando a paixão (e a ira) da internet por ser mais veloz que modelos maiores, em especial comparado a alguns Honda Civic.

A própria Volkswagen abraçou o meme e quando lançou o up! reestilizado colocou um Civic discretamente sendo ultrapassado pelo subcompacto turbinado. Infelizmente diversos motoristas imprudentes se aproveitaram da boa fama do carro para participar de corridas ilegais nas ruas.

Toyota Hilux

Por conta de um desastroso teste do Alce onde a atual geração da Toyota Hilux foi reprovada por quase capotar, um meme surgiu na internet. Com apelido de Capotalux, a picape média foi alvo das mais pejorativas piadas sobre sua falta de estabilidade.

Carros com centro de gravidade alto e suspensão elevada, como é o caso das picapes, tendem a ter mais dificuldade em fazer curvas em alta velocidade e retomar a trajetória. Ainda que a Toyota tenha feito modificações na Hilux a ponto de ela ser aprovada no teste anos depois, o meme ainda circula pelas redes.

>>Honda Civic Si sai de linha no Brasil e põe fim a uma era

>>Sucessora da Toyota Corolla Fielder pode ganhar versão GR

>>CAOA Chery Tiggo 8 vende o dobro do Volkswagen Tiguan em janeiro

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

5 Comentários

Clique aqui para comentar