Curiosidades Destaque

Cinco versões legais da Toyota Hilux que não tivemos no Brasil

Picape média mais vendida do mundo, Toyota Hilux teve diversas versões legais que nunca desembarcaram no Brasil
Toyota Hilux Rugged X [divulgação]
Toyota Hilux Rugged X [divulgação]

Com o flagra da versão Rocco no Brasil, uma questão foi aberta: que outras versões legais da Toyota Hilux ainda não temos por aqui? Picape média mais vendida do mundo e presente em uma infinidade de países, ela se adapta a cada terreno que atua.

Por isso, reunimos aqui cinco versões verdadeiramente interessantes da picape da Toyota em suas principais gerações comercializadas no Brasil. Vale ressaltar que todas as variantes da lista nunca foram vendidas no nosso país.

Hilux TRD

Vendida somente na Austrália, a Toyota Hilux TRD era a epítome de performance da picape média em sua sétima geração. Lançada em 2008, ela contava com motor 4.0 V6 a gasolina com supercharger. Entregava saudáveis 306 cv e é, até hoje, uma das Hilux mais potentes da história.

Esteticamente ela trazia para-choque exclusivo com visual mais agressivo, grade frontal menor formando um sorriso e rodas maiores. Havia santantonio tubular com visual diferenciado e adesivos nas laterais. Por dentro, a Toyota deu à picape volante revestido em couro preto e vermelho, além de bancos esportivos.

Hilux Smart Cab

Nos anos 1990, as picapes médias vendidas no Brasil eram oferecidas em versão cabine estendida. Contudo, essa tendência caiu por terra quando modelos cabine dupla se popularizaram. Lá fora, no entanto, a variante sempre existiu. Tanto que a Toyota Hilux contava com duas versões de cabine estendida.

Toyota Hilux Smart Cab [divulgação]
Toyota Hilux Smart Cab [divulgação]
Porém, a opção mais interessante era a SmartCab. A extensão da cabine contava com portas traseiras suicidas (abrem para trás), tal qual a antiga Fiat Strada Cabine Dupla. A diferença para a picapinha da Fiat era que a Hilux tinha abertura pelos dois lados. Um banco inteiriço pequeno era instalado na traseira para caronas rápidas ou para levar cargas.

Hilux Rugged X

Voltada ao off-road pesado, a Toyota Hilux Rugged X mostra aos brasileiros como é fazer uma picape parruda de verdade. Vendida somente na Austrália, ela conta com para-choques de metal recuados, snorkel, para-lamas alargados, rodas pretas e proteção de aço na parte inferior da carroceria.

O motor não muda: é o mesmo 2.8 quatro cilindros turbo diesel oferecido no Brasil. O que há de diferente, além do visual, é a suspensão com calibração diferenciada específica para o off-road. Apesar da cara rústica, tem sistema de som JBL, piloto automático adaptativo e frenagem autônoma de emergência.

Hilux Invincible 50

Celebrando os 50 anos da Hilux, a edição especial Invincible 50 foi oferecia em diversos países na Europa. Ela recebia diversas modificações mecânicas e estéticas. Começava pela suspensão 40 mm mais alta na dianteira e 20 mm na traseira. Novas rodas de 16 polegadas em pneus off-road BF Goodrich ajudavam a dar um visual ainda mais parrudo.

Ela recebia ainda arcos de roda com plástico preto, santantônio tubular e adesivos decorativos na lateral de certa forma inspirados no layout que viria a ser usado anos depois da Hilux GR Sport. A dianteira ainda carregava uma espécie de quebra-mato de plástico.

Black Black Platinum

Com visual mais elegante, a Hilux Black Platinum era oferecida somente na variante de cabine dupla. Para compor o estilo, a picape contava com muitos cromados, rodas de liga-leve diamantadas de polegada maior que o regular nas demais versões da Hilux, além de carroceria pintada em preto.

O destaque ia para a capota marítima com cobertura plástica e santantônio integrado. Isso possibilitava transformar a caçamba em um enorme porta-malas, sem abrir mão do estilo mais parrudo provido pelo santantônio com acabamento cromado.

>>Ford Ranger Storm é custo benefício para estrada e terra – Avaliação

>>Ranger Black: urbana, elegante e bom custo-benefício | Avaliação

>>Nissan Frontier XE é old-school, com forte custo-benefício – Avaliação

Sobre o autor

João Brigato

2 Comentários

Clique aqui para comentar

  • O meu consagrado, faz isso não, tem pelo menos umas 2 que são vendidas no Paraguai e Argentina, tiro até foto pra vc se quiser e a TRD é vendida no EUA tbm, inclusive é carro de apoio na NASCAR e na Indy. Apesar de tudo gostei da matéria.