Destaque Novidades

Covid-19: Toyota retoma produção só em junho

Retorno foi postergado nas quatro unidades fabris da montadora no Brasil
Funcionários da fábrica de São Bernardo do Campo voltam ao trabalho em 22 de junho (divulgação)

Suspensão temporária de contratos. Essa foi a saída que a Toyota do Brasil encontrou para enfrentar a quarentena imposta no país, sem precisar colocar a saúde de seus colaboradores em risco. Com a medida, foi possível postergar a retomada da produção de suas quatro unidades fabris para junho. Mais precisamente, Indaiatuba, Porto Feliz e São Bernardo do Campo, voltam no dia 22, já a unidade de Sorocaba, apenas no dia 24.

Em comum acordo com os sindicatos de cada unidade, a suspensão acontece a partir do dia 22 de abril para parte dos colaboradores ligados diretamente à linha de produção. O objetivo é, justamente, preservar os empregos de funcionários horistas e administrativos de todas as áreas e níveis. A medida também visa preservar os salários líquidos entre 75% e 100% do seu valor, conforme a faixa de remuneração de cada pessoa.

A Toyota continuará avaliando o avanço da Covid-19 no Brasil momento a momento, e caso entenda ser possível retomar as atividades antes do previsto – conforme recomendação da OMS (Organização Mundial da Saúde) – reverá esse cronograma. Colaboradores que continuam trabalhando em regime regular ou home office (trabalho em casa) serão avisados com antecedência.Veja mais:

>> Toyota suspende produção na próxima semana

>> Toyota prorroga retorno de produção

>> Toyota SW4 será reestilizada em breve; veja o flagra

Sobre o autor

Avatar

Redação

Comente

Clique aqui para comentar