Destaque Novidades

Em 2020, Dodge Challenger superou Ford Mustang pela primeira vez

Apesar de ser o mais velho muscle-car do trio, o Dodge Challenger conseguiu um feito impressionante frente ao Ford Mustang
Dodge Challenger SRT Super Stock [divulgação]
Dodge Challenger SRT Super Stock [divulgação]

Desde que a disputa dos muscle-cars reascendeu no início dos anos 2000, o reinado sempre foi do Ford Mustang. Por duas gerações ele se manteve à frente do Chevrolet Camaro, enquanto o Dodge Challenger corria por fora. Mas como diz o meme: parece que o jogo virou, não é mesmo?

Segundo dados do Car Industry Analysis, pela primeira vez na história o Dodge Challenger vendeu mais que o Ford Mustang nos EUA. Mas há um pequeno truque para isso. Se somadas as vendas do Mustang cupê com o conversível, ele continua líder com 61.090 unidades.

Ford Mustang Mach 1 [divulgação]
Ford Mustang Mach 1 [divulgação]
Porém considere que, dos muscle-cars, somente o Challenger não tem versão sem teto. Separando por tipo de carroceria, o Dodge vence o Mustang com vantagem. Foram 52.955 unidades do modelo da Stellantis contra 49.977 do Ford que é também vendido no Brasil.

Em terceiro lugar temos o Chevrolet Camaro com 25.000 unidades comercializadas na versão cupê. Ele teve a maior queda da categoria com retração de 34% nas vendas em 2020 quando comparado a 2019. A versão conversível minguou ainda mais e emplacou somente 4.775 unidades e queda de 54% nas vendas.

Chevrolet Camaro SS [divulgação]
Chevrolet Camaro SS [divulgação]
Mustang e Challenger também sofreram com a pandemia e queda nas vendas. O Dodge encolheu 13% em um ano. Já o Mustang teve perda de 4% em seu volume de vendas na versão cupê, enquanto o conversível perdeu 46% de volume quando comparado a 2019.

Ainda segundo Felipe Munõz, analista de mercado, a retração do segmento de muscle-cars nos Estados Unidos foi de 51%, atingindo 143.800 carros comercializados ao longo do ano passado. Aqui no Brasil, segundo a Fenabrave, foram vendidas 350 unidades do Ford Mustang (somente cupê) e 120 unidades do Chevrolet Camaro (cupê e conversível) em 2020.

>>Depois do Ford Mustang, Chevrolet Corvette vai virar SUV

>>Ford não deixará o Brasil, só não fabricará mais carros aqui

>>Chevrolet Camaro chega com nova frente por até R$ 422.900

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

Um comentário

Clique aqui para comentar

  • Se o Challenger teve redução de 13% (caindo para 52,955 unidades) e ficou à frente do Mustang que teve redução de apenas 4% (caindo para 49.977 unidades), então o Challenger tinha uma vantagem ainda maior no ano de 2019.
    Será que essa informação de porcentagem de redução está certa?