Destaque Novidades

Em 15 dias, GM vende 15 mil elétricos de R$ 23 mil na China

Mercado chinês está se recuperando, e mini elétrico barato da GM se mostrou um verdadeiro sucesso
GM Wuling Hongguang MINI EV
GM Wuling Hongguang MINI EV [divulgação]

Enquanto no Brasil o carro elétrico mais barato do mercado tem preço na casa dos seis dígitos, na China a coisa é bem diferente. Prova disso é o mini elétrico Wuling Hongguang MINI EV produzido pela GM, controladora da Chevrolet. Ele custa somente R$ 23 mil e já vendeu 15 mil unidades em apenas duas semanas.

O elétrico da Wuling, subsidiária chinesa da GM, é simplesmente minúsculo. São 2,91 m de comprimento, 1,49 m de largura e 1,62 m de altura. Em relação ao Chevrolet Joy, o menor modelo da General Motors no Brasil, o Wuling MINI EV é 1,01 m mais curto, 21 cm mais estreito e 15 cm mais alto.

Wuling Hongguang MINI EV [divulgação]
Wuling Hongguang MINI EV [divulgação]
Apesar de suas proporções diminutas, ele carrega quatro pessoas em seu interior, sendo a segunda fileira totalmente dobrável para criar um porta-malas de 741 litros. Ou seja, no caso do Wuling MINI EV é preciso escolher entre cargas ou pessoas em seu interior.

Equipado com motor elétrico de apenas 27 cv e 8,6 kgfm de torque, o elétrico da GM não é feito para estradas, já que sua velocidade máxima é de apenas 100 km/h. Por conta disso, ele é voltado quase que exclusivamente para uso urbano.

Prova disso é que a autonomia é um tanto quanto restrita, tal qual seu tamanho. A versão de entrada com baterias de 9,2 kWh roda até 120 km, enquanto o modelo mais caro com baterias de 13,8 kWh chega a 170 km de autonomia. A GM não divulgou a proporção de venda das 15 mil unidades do pequenino elétrico.

Wuling Hongguang MINI EV [divulgação]
Wuling Hongguang MINI EV [divulgação]
Com preços entre 28.800 yuan (R$ 23 mil) e 38.800 yuan (R$ 31 mil), o Wuling tem acumulado mais de 50 mil pedidos desde o dia 24 de julho, quando foi lançado. Em 20 dias, segundo a GM, foram vendidas 15 mil unidades, sendo 7.346 apenas na primeira semana.

>>Top 10 carros que menos desvalorizam em um ano no Brasil

>>Chevrolet Trailblazer 2021 chega em setembro por R$ 269.850

>>Chevrolet Equinox 2025 terá base de Onix e sete lugares

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar