Destaque Novidades

Família Bronco é apresentada e tem três opções de carroceria

Jipão da Ford tem versões com duas ou quatro portas
Ford Bronco
Ford Bronco (divulgação)

O Ford Bronco, finalmente, teve seus detalhes revelados. A sexta geração do jipe da Ford ganhou até família própria. O modelo será oferecido com carrocerias duas ou quatro portas – sobre chassi. Tem, também, o Bronco Sport que (com estrutura monobloco) mira clientes de Jeep Compass e deve vir ao Brasil.

Na estética, a carroceria é cheia de linhas retas e, na grade dianteira, o nome ‘Bronco’ segue com letras garrafais. Faróis são circulares. Atrás, as lanternas são pequenas e ficam instaladas na vertical, enquanto a tampa do porta-malas traz superfície abaulada em duas seções.

Ford Bronco
Ford Bronco (divulgação)

Feito sobre a plataforma do Escape americano, o Bronco tem, nas versões de entrada o motor 2.3 EcoBoost (turbo com injeção direta) de 273 cv e 42,8 kgfm. Já a configuração topo de linha carrega o 2.7 V6, também da família EcoBoost, mas com 314 cv e 55,3 kgfm. O câmbio é manual com sete marchas – uma reduzida e outras 6 à frente. Também estará disponível a transmissão automática de dez velocidades.

No Bronco Sport, duas opções de motores turbo a gasolina: 1.5 EcoBoost de 183 cv e 26,3 kgfm, além do 2.0 EcoBoost de 248 cv e 38 kgfm. Ambos são acoplados a um câmbio automático de oito marchas.

Tração integral é de série em todas as variantes. Tem, ainda, o avançado sistema de gerenciamento G.O.A.T. (Go Over Any Terrain) – usado na primeira geração do Bronco. Traduzindo, são sete ajustes automáticos para enfrentar diversos tipos de terrenos, como lama, neve, trechos alagados, etc.

Ainda em termos mecânicos, a altura em relação ao solo é de 29,4 centímetros. Os ângulos de ataque, de saída e de rampa são de, respectivamente, 43,2 graus, 37,2 e 29. Trechos alagados podem ser superados contanto que a altura da água não passe de 85 centímetros.

Ford Bronco
Ford Bronco (divulgação)

No mais, o modelo equipado com reduzida (e eixo Dana 44 unindo as rodas traseiras) tem sistema hidráulico que permite desacoplar a barra estabilizadora e, também, 200 acessórios, como amortecedores especiais de maior curso e pneus 35”.

A central multimídia Sync 4 possui opções de telas de 8 polegadas ou 12″, com atualização do sistema operacional pela ‘nuvem’ e navegação integrada. Condução semiautônoma também fica disponível por meio de controle de cruzeiro adaptativo, frenagem automática de emergência e assistente de manutenção em faixa com correção.

São sete versões de acabamento (Base, Big Bend, Black Diamond, Outer Banks, Badlands, Wild Track e First Edition), com preços que partem de cerca de 29 mil dólares – o equivalente a 152 mil numa conversão direta na cotação de hoje (14).

Veja mais:

>> Honda CB 650R e CBR 650R 2020 já estão nas lojas

>> Produção do novo Ford Bronco Sport vai atrasar

>> Nova Fiat Strada tem seis mil unidades vendidas em 10 dias

Sobre o autor

Avatar

Redação

Comente

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva