Destaque Novidades

Fiat Argo 2021: nova grade, mais itens e adeus versão Precision

Com mais itens de série, mudanças no logotipo e redução de versões, Fiat Argo chega à linha 2021 mais caro
Fiat Argo Trekking 2021 [divulgação]
Fiat Argo Trekking 2021 [divulgação]

Depois de 200 mil unidades vendidas no Brasil e três anos de mercado, o Fiat Argo 2021 passa por um levíssimo retoque visual para se manter atualizado. A Fiat trocou a grade frontal a fim de adotar o novo logotipo que estreou na Strada. Por dentro o novo logo está no volante e a bandeira da Itália agora está costurada no câmbio.

Além disso, o Argo ganhou novos itens de série em todas as versões, mas cobrou por isso. A exceção da versão Trekking 1.8 Automática que mantém os R$ 69.990 para se enquadrar nos descontos para PCD, o restante da linha encareceu. Entre as baixas, a versão Precision 1.8 deixa de ser oferecida por conta da demanda fraca.

Fiat Argo HGT 2021 [divulgação]
Fiat Argo HGT 2021 [divulgação]
Mais itens

A versão de entrada sem nome do Fiat Argo 2021 ganhou novas calotas e segue equipada com direção elétrica, ar-condicionado, vidros elétricos dianteiros, alarme e chave canivete. Há dois opcionais: pré-disposição para som e kit de limpador e desembaçador traseiro. Nessa variante, o Argo subiu de R$ 51.290 para R$ 53.990.

A versão intermediária Drive 1.0 saltou de R$ 54.390 para R$ 58.890. Para compensar o aumento, o modelo ganhou central multimídia uConnect de 7 polegadas com comandos de som no volante e entrada USB na traseira como item de série.

Fiat Argo Drive 2021 [divulgação]
Fiat Argo Drive 2021 [divulgação]
Há como opcional o pacote Plus com retrovisores elétricos, vidro traseiro elétrico e sensor de ré. Sem preço revelado, a versão S-Design 1.0 agrega o pacote Plus e adiciona novas calotas escurecidas, ar-condicionado digital, chave presencial, controle de tração e estabilidade e assistente de partida em rampa.

O Argo Drive 1.3 agora custa R$ 56.790 e também agrega a central multimídia com Android Auto e Apple CarPlay como item de série. A versão ainda ganha assinatura de LED nos faróis, monitoramento de pressão dos pneus, retrovisor elétrico, vidro elétrico traseiro e sensor de ré.

Na versão S-Drive com motor 1.3, a lista de itens de série é exatamente a mesma do modelo 1.0, salvo a troca das calotas de 15 polegadas por rodas de liga-leve de 15 polegadas. O preço dessa variante também não foi divulgado ainda pela Fiat.

Fiat Argo S-Design 2021 [divulgação]
Fiat Argo S-Design 2021 [divulgação]
Subindo para as versões aventureiras Trekking, tanto com motor 1.3 (R$ 64.990) quanto com o 1.8 (R$ 69.990), eles ganharam novos adesivos e assistente de partida em rampa. Com motor 1.3, há novo kit Plus com rodas de liga-leve de 15 polegadas e câmera de ré ou kit Full que traz partida sem chave e ar-condicionado digital.

Com motor maior, o kit Plus traz câmera de ré, partida sem chave e ar-condicionado digital, enquanto o kit Full agrega todos os itens do Plus e adiciona rebatimento elétrico dos retrovisores, painel de instrumentos com tela de 7 polegadas, sensor de chuva e farol e retrovisor interno eletrocrômico.

Por fim, a versão esportiva HGT  do Fiat Argo 2021 traz agora como item de série o painel de instrumentos com tela de 7 polegadas, rodas de liga-leve de 17 polegadas, volante revestido em couro e descansa-braço central. A versão passa a custar R$ 74.990.

Fiat Argo HGT 2021 [divulgação]
Fiat Argo HGT 2021 [divulgação]
Na linha 2021, o Argo HGT tem como opcional o kit Full (partida sem chave, retrovisor com rebatimento elétrico, ar-condicionado digital, câmera de ré, sensor de chuva e de farol, retrovisor eletrocrômico, piloto automático e trocas de marcha no volante). Como itens separados estão bancos revestidos em couro, pintura bicolor e airbags laterais.

Cadê o turbo?

Não foi dessa vez que a Fiat aposentou o velho motor 1.8 E.Torq no Argo, o substituindo pelo novo 1.0 Firefly turbo – mudança que deverá ocorrer somente quando o modelo for verdadeiramente reestilizado.

No Fiat Argo 2021, as versões de entrada sem nome, Drive e S-Design são equipadas com motor 1.0 Firefly três cilindros aspirado de 77 cv e 10,9 kgfm de torque. Já os modelos Drive, S-Design e Trekking recebem o 1.3 Firefly quatro cilindros aspirado de 109 cv e 14,2 kgfm de torque. Nas seis versões, o câmbio é manual de cinco marchas.

Fiat Argo HGT 2021 [divulgação]
Fiat Argo HGT 2021 [divulgação]
Para quem prefere câmbio automático de seis marchas, as versões Trekking e HGT oferecem a facilidade atrelada ao motor 1.8 quatro cilindros aspirado de 139 cv e 19,3 kgfm de torque. Esse motor também é usado pela Fiat Toro e pelo Jeep Renegade.

>>Fiat Mobi encarece, mas ainda é o carro mais barato do Brasil

>>Fiat Strada dá uma de Palio e é vice-líder entre mais vendidos de agosto

>>Jeep Renegade pode ganhar versão das Fiat Strada e Toro

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar