Destaque Novidades

Fiat prepara SUVs, motores turbo, câmbio CVT e 500 elétrico para o Brasil

Objetivo da Fiat é voltar a ser líder de mercado e a nova Strada será a responsável por encabeçar esse movimento
strada
Fiat Strada Freedom (divulgação)

A Fiat quer voltar ao posto de líder do mercado brasileiro, título hoje pertencente à Chevrolet, mas constantemente ameaçado pela Volkswagen. Para retomar à posição que foi sua por muitos anos, a Fiat tem programado para o Brasil dois SUVs, motores turbo, câmbio CVT e o relançamento do 500 como carro elétrico.

Além das novidades oficializadas pela Fiat, são esperadas também as reestilizações de Argo, Cronos e Toro, programados para estrear em, no máximo 2022. Os compactos Uno e Mobi também devem ganhar uma nova geração unificada nos próximos anos.

Motores Firefly Turbo

Anunciados em 2019, os motores Firefly turbo finalmente estarão debaixo do capô dos carros da Fiat e da Jeep no Brasil. A marca prepara diversas variantes de seus novos propulsores, que serão baseados nos motores 1.0 três cilindros e 1.3 quatro cilindros, atualmente usados em versões aspiradas em Argo, Cronos e Uno.

Os novos motores Firefly turbo substituirão os antigos motores 1.8 E.Torq (Renegade, Toro, Argo e Cronos), 2.0 Tigershark (Compass) e 2.4 Tigershark (Toro, mas já descontinuado na linha 2021 da picape). Haverá também uma versão movida somente a etanol, que promete consumo equivalente ao de um carro flex abastecido com gasolina.

Câmbio CVT igual ao da Toyota

A Fiat e a Jeep também terão no Brasil uma nova transmissão automática. Sai de cena o câmbio automático tradicional de seis marchas e o automatizado GSR, entra a nova caixa CVT do mesmo fornecedor da Toyota.

A dúvida que resta é se será um CVT mais simples com seis marchas simuladas como no Yaris, ou a caixa DirectShift do Corolla que tem primeira marcha física e simula até dez marchas. O câmbio será usado tanto pelos novos Fiat e Jeep com motor Firefly turbo, quanto pelos compactos da Fiat com motor 1.3 aspirado.

Jeep Renegade, Compass e Fiat Toro com motor diesel permanecerão com a transmissão automática de nove marchas.

Fiat
Fiat Argo Trekking

Dois SUVs entre os primos Jeep

Se antes a Fiat negava veementemente que teria SUVs no Brasil para priorizar a posição da Jeep, agora a estratégia será outra. Não há mais como não ter um utilitário esportivo em seu portfólio, por isso a Fiat prepara dois modelos que complementarão a linha Jeep no Brasil.

O primeiro modelo chega no início de 2021 e será derivado do Argo. Esse modelo será para o Argo o que o Honda WR-V é para o Fiat e o que o Volkswagen Nivus é para o Polo – uma reinterpretação do hatch como um utilitário esportivo compacto. Inclusive aproveitará portas, para-brisa e coluna A do Argo.

Já o segundo SUV ainda é mistério por parte da Fiat. Será lançado em 2022 e ainda não foi visto rodando pelas ruas. As maiores chances recaem sobre a versão de produção do Fastback, o SUV cupê derivado da Toro. Caso seja o escolhido, o modelo conviverá tranquilamente com Renegade e Compass, já que terá outro tipo de público.

Elétricos e eletrificados

De olho na tendência de eletrificação das marcas nos próximos anos, o grupo FCA prepara duas abordagens diferentes no Brasil. A Fiat terá a nova geração do charmoso 500 em sua variante totalmente elétrica por aqui. Chegará para ser o modelo mais caro e sofisticado da marca, tendo como destaque o luxo interno e a motorização 100% elétrica.

Fiat
Fiat 500

Já a Jeep terá modelos híbridos do tipo plug-in (podem ser carregados na tomada). Renegade 4Xe e Compass 4Xe chegarão ao Brasil em 2021 importados da Itália entregando a combinação de motor 1.3 Firefly turbo. Os modelos superam os 50 km em autonomia totalmente elétrica e prometem consumo de carro pequeno com motor 1.0.

Mudanças de imagem

Além de tantos lançamentos, a Fiat também quer mudar sua imagem no Brasil. As concessionárias passarão por alterações de layout e a comunicação da marca será focada na mistura de seus lados italiano e brasileiro. Até mesmo o slogan da marca vai mudar para “A Paixão Move”.

>>Novo Nissan Versa chega em novembro, Kicks e Sentra em 2021

>>Avaliação: testamos a configuração topo de linha da Fiat Strada

>>Jeep Wrangler Rubicon 392 é conceito de 450 cv

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva