Destaque Novidades

Ford baixa preço de Transit, Maverick e Ranger

Demorou, mas redução do IPI que muitas marcas já engoliram chegou aos modelos comerciais da Ford com novo IPI reduzido
Ford Maverick Lariat FX4 [Auto+ / João Brigato]
Ford Maverick Lariat FX4 [Auto+ / João Brigato]

Algumas marcas como Jeep, Fiat e Chevrolet baixaram o preço de seus carros por conta da redução do IPI, mas logo depois aumentaram o valor de tabela cobrindo o imposto cortado. Contudo, o governo cortou novamente o imposto para modelos comerciais, com isso, a Ford anunciou a nova política de valores. Todos os carros comerciais da marca ficaram mais baratos, desde a Maverick até a Transit, mas o problema é que o novo IPI reduzido não chegou aos modelos de passeio.

A Maverick teve seu preço reduzido de R$ 235.190 para R$ 233.310. A Ranger agora começa em R$ 216.540 contra os R$ 218.290 de antes na versão XL cabine simples, enquanto a mesma versão com duas portas a mais vai a R$ 230.230 ante os R$ 232.090 pré-redução do IPI. Na XLS, a Ford agora pede R$ 209.800 com tração 4×2 e R$ 249.580 com 4×4.

Subindo para a versão Black, o preço foi reduzido de R$ 220.490 para R$ 218.730, enquanto a Storm caiu de R$ 255.090 para R$ 253.050. A lista de versões temáticas da Ranger ainda tem a FX4 que foi lançada por R$ 291.990 e agora custa R$ 289.650. Por fim, a XLT passou a custar R$ 289.650 e a Limited agora sai por R$ 314.350.

Ford Ranger FX4 [Autp+ / João Brigato
Ford Ranger FX4 [Autp+ / João Brigato
A van Transit era vendida por R$ 239.900 e desceu para R$ 237.980. O restante dos preços da linha Transit não foi divulgado pela Ford.

Os Ford excluídos

Fora as picapes e a Transit, que são os veículos comerciais que tiveram novo IPI reduzido, temos os SUVs e o Mustang, o muscle-car da Ford. Nenhum deles teve seu preço reduzido. A linha começa com o Territory importado da China que custava R$ 214.700 e assim segue.

Ford Bronco Sport Wildtrack [Auto+ / João Brigato]
Ford Bronco Sport Wildtrack [Auto+ / João Brigato]
Já o Bronco Sport ficou mais mantém os R$ 266.090 anteriormente pedidos. O Mustang Mach não desceu um real dos R$ 553.180. Os valores dessa matéria, vale lembrar, não são válidos para São Paulo, onde o ICMS é mais caro e, consequentemente, faz os preços totais dos carros serem mais altos.

>>Ford F-150 Lightning terá mais potência do que o esperado

>>Maverick só falha onde a culpa não é dela | Avaliação 

>>Ford diz um sonoro “não” para a Volkswagen por causa da Ranger Raptor

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar