Destaque Novidades

Ford F-150 Raptor ganha motor V8 de Mustang e novo sobrenome

Inédita Ford F-150 Raptor R usa coração do Mustang GT500 com uma dose a mais de pimenta. Mas será que vem ao Brasil?
Ford F-150 Raptor R [divulgação]
Ford F-150 Raptor R [divulgação]

Desde que a Ford lançou a nova geração da F-150 Raptor todo mundo se perguntou: cadê o V8? Foi preciso que a RAM 1500 TRX chegasse ao mercado para provar à Ford que ainda havia espaço para as superpicapes com motor V8. Com isso, a F-150 Raptor foi atrás do Mustang Shelby GT500, pegou emprestado seu coração e ganhou um novo sobrenome.

Batizada oficialmente de Ford F-150 Raptor R, a nova versão usa o 5.2 V8 supercharged do Mustang Shelby GT500 com algumas modificações. Ele foi recalibrado para melhorar os números de performance em baixa e média rotação. Além disso, o supercharger é um pouco menor para garantir durabilidade.

Além disso, ela recebeu cárter forjado em alumínio, novos coletores de admissão com aumento de 66% de volume de ar em relação à Raptor padrão e capô mais alto para abrigar o motor e também melhorar o fluxo de ar interno. Como ela foi pensada para andar no deserto, motor refrigerado é essencial.

Ford F-150 Raptor R [divulgação]
Ford F-150 Raptor R [divulgação]
Com isso, a picapona conta com 710 cv, exatos 2 cv a menos que a RAM 1500 TRX. Já o torque de 88,4 kgfm é 1,5 kgfm menor do que o da rival da Stellantis. Com isso, a 1500 TRX segue como a caminhonete mais potente do mundo. Não significa, porém, que a Raptor R seja lenta, muito pelo contrário.,

Ela engordou 45 kg em relação à Raptor padrão com motor V6, mas é 181 kg mais leve que a rival. Com isso, sua relação peso-potência é melhor que da RAM 1500 TRX. E ainda melhor que da Raptor tradicional, que entrega 456 cv e 70,5 kgfm em seu motor V6 3.5 biturbo. O câmbio automático de dez marchas foi reforçado e recalibrado para lidar com o torque extra.

Ford F-150 Raptor R [divulgação]
Ford F-150 Raptor R [divulgação]

R laranja

Visualmente ela recebe, além do capô mais alto, o símbolo R na dianteira. Nos adesivos Raptor e na costura dos bancos a letra R final ganha tom de laranja. Além disso, a cabine tem fibra de carbono de verdade no acabamento de maneira a dar mais sofisticação, leveza e esportividade a esse mamute V8.

As reservas nos EUA já começaram por US$ 107.350, cifra que passa de meio milhão de reais em conversão direta. A Ford já confirmou que venderá a F-150 no Brasil nesse ano, contudo a picape não virá na versão Raptor, nem na nova Raptor R, ao menos por enquanto. A Raptor padrão, vale lembrar, é queridinha dos importadores independentes.

Ford F-150 Raptor R [divulgação]
Ford F-150 Raptor R [divulgação]

>>Nova Ford Transit SuperVan chega aos 100 km/h em 2 segundos

>>Volkswagen diz não a um SUV da Amarok, ao contrário do que a Ford fez

>>Depois de Ka e EcoSport, Ford anuncia morte do Focus

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva