Destaque Novidades

Ford Fiesta deve morrer em 2024 e ser substituído por um elétrico

Aparentemente o Ford Fiesta não passará dessa geração e será substituído por um modelo elétrico com plataforma de Volkswagen
Ford Fiesta ST Line [divulgação]
Ford Fiesta ST Line [divulgação]

Aposentado no Brasil em 2019 quando a fábrica de São Bernardo do Campo (SP) fechou, o Ford Fiesta também terá o mesmo destino na Europa. Segundo informações do jornal Automobilwoche, a Ford pretende encerrar a produção do Fiesta em 2024 e o substituir por um carro totalmente elétrico.

Diferentemente da geração anterior global, hoje o hatch compacto é produzido em Cologne, Alemanha. A ideia é que um modelo 100% elétrico e de alto volume tome o lugar do Fiesta na linha de produção dentro de três anos. O substituto terá plataforma modular MEB da Volkswagen.

Ford Fiesta ST Line [divulgação]
Ford Fiesta ST Line [divulgação]

Volkswagen Fiesta?

Essa base já é usada pelos elétricos Volkswagen ID.3 e ID.4, além do Skoda Enyaq iV. Em acordo com a VW, a Ford fará uso da plataforma modular eletrificada para produzir seus próprios carros movidos a energia elétrica. O objetivo é ganhar em escala, enquanto a Volks usa da expertise da Ford em vans e picapes.

É possível que esse novo modelo mantenha o nome Fiesta em virtude do legado do modelo e de sua importância histórica. Contudo, a Ford poderá adotar um novo nome para celebrar essa mudança completa de rumos que o seu modelo mais barato tomará.

Ford Fiesta ST Line [divulgação]
Ford Fiesta ST Line [divulgação]
Vale lembrar que desde que o Ka saiu de linha na Europa, o Fiesta se tornou o carro mais barato da Ford no mercado. Ele é também um dos veículos mais vendido da marca por lá, perdendo somente para o Focus, o nono carro mais vendido da Europa em 2020.

A Ford vem sentindo o avanço do SUV compacto Puma sobre o mercado antes tomado pelo Fiesta. Isso fez com que a estratégia de deixar de produzir um hatch compacto a combustão em favor de um modelo eletrificado se justificasse. Resta ver se o Fiesta terá sobrevida ou não de alguma maneira após a chegada do novo modelo com base MEB.

>>Ford fechará revendas e terá EcoSport da Turquia ou Índia para Argentina

>>Renault Duster se despede do Ford EcoSport nas redes sociais

>>VW Nivus sobe e Ford EcoSport cai entre SUVs mais vendidos de janeiro

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

4 Comentários

Clique aqui para comentar

    • Só pegou os sem noção de surpresa, qm acompanha o mercado automobilístico já meio esperava isto aí… aliás eu msmo tinha feito um comentário somenta algumas h antes do comunicado de encerrar a produção no Brasil, pois ñ havia sentido ela continuar produzindo ka e EcoSport já q ela queria incentivo pra fazer outro modelo lá em Camaçari e ñ teve e suas vendas decaíram ainda mais!

  • Mas tbm, com o hatch ficando maior e mais caro q sentido tem comprar ele ao invés de suv q ñ é mto maior e nem tão mais caro mas oferece mais espaço sem perder mto no dinamismo???
    Se o carro tivesse o tamanho do original aí até poderia uma alternativa pros jovens, mas eles já estão com 4 m e o espaço interno nem melhorou tanto assim!

  • O Fiesta não irá morrer, só será totalmente elétrico, não acredito que mude de nome, a Volkswagen também está substituído o Polo e o Golf pela linha ID (100% elétrico) mas isso não tem nada haver com Brasil, subsídio, blá-blá-blá, etc…