Destaque Novidades

Grand Cherokee L marca entrada da Jeep no segmento sete lugares

Até agora o único Jeep de sete lugares no mundo era o Grand Commander vendido na China, mas com Grand Cherokee marca entra globalmente no segmento
Jeep sete lugares Grand Cherokee L [divulgação]
Jeep Grand Cherokee L [divulgação]

Enquanto lá na China a Jeep possui com sete lugares o Grand Commander e aqui no Brasil desenvolve um SUV maior que o Compass com dois lugares extras no porta-malas, globalmente não havia ainda um representante nesse segmento. Tudo mudou agora em 2021 com o lançamento do inédito Grand Cherokee L.

Marcando a estreia da quarta geração do Grand Cherokee, a versão alongada será vendida ao lado do modelo antigo por algum tempo. A Jeep pretende lançar uma variante curta do Grand Cherokee, com cinco assentos e sem o sobrenome L, mas isso acontecerá em um segundo momento.

Jeep Grand Cherokee L [divulgação]
Jeep Grand Cherokee L [divulgação]
Se despedindo da plataforma de origem Mercedes-Benz para adotar a base Giorgio da Alfa Romeo, o novo Grand Cherokee L ficou maior que o antigo em todas as dimensões. São 5,20 m de comprimento, 1,81 m de altura e 1,96 m de largura.

Comparado ao Grand Cherokee, o L tem 38 cm a mais no comprimento, 2 cm a mais na largura e mesma altura. A espichada do Jeep fez necessária para abrigar sete lugares, sendo dois extras no porta-malas, que cresceu para 484 litros com as três fileiras em uso ou 1.320 litros com as duas fileiras somente.

Jeep Grand Cherokee L [divulgação]
Jeep Grand Cherokee L [divulgação]

Quadrado parrudo

Com influências fortes do Grand Wagoneer, apresentado como conceito no ano passado, o novo Jeep Grand Cherokee L traz carroceria quadrada, robusta e parruda. A frente é praticamente reta com faróis e grade frontal criando um conjunto visualmente único.

A abertura de ar inferior quadrada traz esportividade ao conjunto e é complementada por um friso cromado na base. Tipicamente Jeep, as caixas de roda são quadradas acompanham a linha de cintura, que foi elevada na nova geração. Teto com pintura contrastante é a moda entre os SUVs que o Jeep segue.

Jeep Grand Cherokee L [divulgação]
Jeep Grand Cherokee L [divulgação]
Atrás o visual ficou mais limpo com lanternas finas e layout bastante parecido com o do Compass. A placa fica na tampa do porta-malas, enquanto o para-choque é decorado por frisos cromados e saída dupla de escape.

Mirando o premium

Se por fora o Grand Cherokee evoluiu sem deixar sua identidade visual de lado, por dentro houve uma verdadeira revolução. Como o objetivo do SUV é peitar modelos da Mercedes, Audi, Volvo e BMW, a Jeep tratou de sofisticar o modelo e trazer o máximo de tecnologia quanto possível.

Jeep Grand Cherokee L [divulgação]
Jeep Grand Cherokee L [divulgação]
Há muito couro, madeira e materiais nobres, especialmente nas versões mais caras Overland, Summit e Summit Reserve. Ele traz uma tela de 10,1 polegadas com sistema UConnect de quinta geração com Android Auto e Apple CarPlay sem fio, além de controle de diversos sistemas e roteador Wi-Fi.

O Jeep de sete lugares ainda disponibiliza câmeras internas para monitoramento das três fileiras de bancos pela central multimídia. A primeira fileira de bancos tem 16 ajustes elétricos, massagem, aquecimento e resfriamento. Já a segunda pode contar com resfriamento e aquecimento como opcional nas versões mais caras (de série na Summit Reserve).

Tipo RAM

Vindo da picape RAM 1500 está a gama de motores potentes do Grand Cherokee L. Ele traz opção 3.6 V6 de 290 cv ou HEMI V8 5.7 de 357 cv. Essas opções de motores serão estendidas além do Jeep Grand Cherokee L de sete lugares, chegando ao modelo curto. Ambos são atrelados à transmissão automática de oito marchas.

A Jeep oferece três opções de tração nas quatro rodas: Quadratrac I, Quadratrac II e Quadra-Drive II. Todas com aparatos eletrônicos diferentes, mas igual capacidade off-road. Há ainda suspensão pneumática capaz de mudar a altura do Grand Cherokee L em até 27 cm.

Jeep Grand Cherokee L [divulgação]
Jeep Grand Cherokee L [divulgação]

>>Chevrolet Equinox 2025 terá base de Onix e sete lugares

>>Compass 2022: mais luxuoso, com motor turbo e câmbio de Corolla

>>Jeep confirma SUV de sete lugares maior que o Compass para 2021

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar