Destaque Novidades

Jeep Wrangler capota em teste equivalente ao Latin NCAP

Mesmo com as modificações feitas pela marca, o Jeep Wrangler não conseguiu um bom desempenho no teste contra barreira
Jeep Wrangler IIHS [divulgaçaõ]
Jeep Wrangler [IIHS]

O Jeep Wrangler fracassou novamente em um teste de colisão feito pelo IIHS, instituto de segurança dos Estados Unidos. A prova avalia o desempenho do veículo ao colidir contra uma barreira fixa posicionada no lado do motorista. E bem, no caso do jipe, o resultado não foi dos melhores, já que o carro acabou tombando após o impacto.

Curiosamente, esta não foi a primeira vez que o modelo capotou nesta prova. Isso já havia acontecido em 2020 e a Jeep prometeu que iria realizar modificações para corrigir o problema. No entanto, tudo indica que as mudanças não surtiram o efeito desejado, já que o Wrangler continua tombando.

Por conta disso, o modelo recebeu uma pontuação apenas marginal no teste, sendo o segundo menor resultado possível. A célula de sobrevivência da cabine resistiu bem ao impacto, mas o tombo do carro faz com que haja riscos adicionais de ferimentos aos ocupantes.

Jeep Wrangler [divulgação]
Jeep Wrangler [divulgação]
O maior perigo é um dos passageiros ou o motorista ser jogado para fora do veículo. Como o Jeep Wrangler é um modelo que pode ter as portas e partes do teto removidos, esse risco acaba sendo ainda maior, o que compromete a segurança do jipe. Sem contar que essa aterrissagem de lado do modelo aumenta os riscos de lesão na perna e no pé esquerdo do motorista, de acordo com o IIHS.

Como se não bastasse todos esses problemas, há ainda mais um relacionado ao airbag. Acontece que o instituto de segurança notou que o airbag lateral não foi acionado no teste de colisão, sendo mais um fator de risco para o veículo – e criando mais uma dor de cabeça para a Jeep.

Jeep Wrangler [IIHS]
Jeep Wrangler [IIHS]

Jeep Wrangler já foi melhor

E a máxima “nada está tão ruim que não possa piorar” pode ser usada para definir este momento do Jeep Wrangler. Afinal, a geração anterior do modelo conseguiu ter uma nota melhor neste mesmo teste. O modelo feito até 2017 foi classificado como bom na mesma avaliação. Ou seja, a vida do modelo atual não está fácil.

>> Jeep sobe em até R$ 11 mil preços de Renegade, Compass e Commander

>> Jeep Gladiator deve se tornar a picape média mais cara do Brasil

>> Volkswagen planeja fazer a sua própria Jeep

Sobre o autor

Leo Alves

Comente

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva