Destaque Novidades

Kia confirma Sportage Hybrid, primo do Creta e eletrificados para o Brasil

Eletrificação da Kia no Brasil teve como início do Stonic e se espalhará pelo restante da linha. Mas o destaque vai para o Seltos, primo do Creta
Kia Sportage [divulgação]
Kia Sportage [divulgação]

Durante a apresentação do SUV compacto híbrido Stonic no Brasil, a Kia revelou novos planos de eletrificação no Brasil. A marca sul-coreana importará para o nosso país o novo Sportage em versão híbrida, o elétrico EV6 e também o híbrido Niro já em nova geração. Além deles, finalmente o Hyundai Creta da Kia, o Seltos, será vendido no Brasil.

O único a ter data realmente marcada para chegar é o elétrico EV6. Programado para maio e 2022, o SUV elétrico tem sido bastante elogiado pela imprensa internacional. O visual é bastante agressivo e diferente do restante dos modelos da marca, em especial por conta da traseira futurista com lanterna fina.

Ele tem versões com tração traseira e 230 cv com 35,6 kgfm de torque ou com tração integral com 325 cv e 61,6 kgfm. A autonomia chega a 520 km, o que pode tornar o Kia EV6 o carro elétrico com maior autonomia à venda no Brasil.

Kia EV6 [divulgação]
Na tocada ecologicamente correta, a Kia também confirmou que a nova geração do Sportage será vendida no Brasil com motor híbrido. Lá fora, a versão Plug-in conta com motor 1.6 turbo de 180 cv combinado a um motor elétrico. Juntos, entregam 230 cv e consumo na casa dos 16,5 km/l.

Outro híbrido que virá será o Niro. Diferentemente do Sportage, que pode também vir em variantes não eletrificadas, o Kia Niro nasceu para ser só e somente híbrido. A nova geração ainda não deve detalhes revelados, mas promete visual tão ousado quanto o do SUV médio e maior economia de combustível.

Kia Seltos [divulgação]

Primo do Creta

Por último, mas, na realidade, o mais importante dos lançamentos da Kia para 2022 é o SUV Seltos. Aparentado ao Hyundai Creta, o modelo tem porte intermediário entre os SUVs compactos e os médios, podendo a Kia encaixá-lo em qualquer uma das duas categorias.

Com o Stonic, menor SUV da marca, por R$ 149.990, ter o Kia Seltos, que é maior, por um preço menor poderia ser perigoso para o estreante. Enquanto seu posicionamento ainda é dúvida, o que se tem ao certo é que ele pode ser importado com motor 1.6 turbo de 180 cv ou com o mesmo 2.0 aspirado do Creta que entrega 150 cv.

>>Ford quase usou nomes de Honda, Kia e Hyundai e até Fanta em um sedã

>>Kia Stonic no Brasil encarará Fiat Pulse com preço de Jeep Renegade

>>Kia apresenta novo logo e confirma rival do Fiat Pulse no Brasil

Kia

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar