Mercado Novidades

Mercedes-Benz revela 2ª geração do GLA

Segunda geração perdeu o jeito de hatch bombado
Mercedes-Benz GLA (divulgação)

A Mercedes-Benz apresentou nessa semana a segunda geração do seu crossover mais bem-sucedido: o GLA. A segunda geração ganhou um desenho mais moderno, bebendo da mesma fonte do GLB e dos recém apresentados GLC e GLE.

Mercedes-Benz GLA 35 AMG 2020 (divulgação)

O design em si à primeira vista não parece ter mudado muito, até porque o desenho está mais evoluído do que uma atualização mais profunda. Agora o GLA conta com 4,41 metros de comprimento, 1,83 m de largura, 1,50 m de altura e 2,73 metros de entre-eixos.

Mercedes-Benz GLA 35 AMG 2020 (divulgação)

Além disso, o GLA perdeu a alcunha de “hatch bombado” para de fato ser um crossover. A terceira janela na coluna “C” ajuda a aumentar o aspecto de que o carro cresceu. O porta-malas agora conta com 435 litros em vez dos 421 litros da geração anterior.

Mercedes-Benz GLA 35 AMG 2020 (divulgação)

No interior, o novo GLA conta com o mesmo visual dos irmãos A – hatch e sedã – o que significa que ele traz a moderna central multimídia MBUX.

Os motores vão desde o pequeno 1.3 turbo que é feito em parceria com a Renault e rende 163 cv e 25,5 kgfm de toque até o 2.0 turbo de 306 cv e 40,8 kgfm de torque da versão 35 AMG.

Mercedes-Benz GLA 35 AMG 2020 (divulgação)

Futuramente, uma versão 45 AMG e 45S AMG também serão comercializadas com 387 e 421 cv, respectivamente. Sua chegada no mercado europeu ocorre já no segundo trimestre de 2020 e no Brasil o crossover deve ser destaque da marca no Salão do Automóvel de São Paulo de 2020.

Veja mais:

>> Mercedes Classe S bate marca de 500 mil unidades produzidas

>> Mercedes-AMG GLB 35: AMG com espaço para sete

>> Mercedes-Benz revela 2ª geração do GLE Coupé

Sobre o autor

Kleber Silva

Kleber Silva

Comente

Clique aqui para comentar

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva