Destaque Moto+

Moto elétrica da Triumph tem testes concluídos na Europa

Batizada de TE-1, a moto elétrica da Triumph promete desempenho de gente grande e carga rápida de bateria em apenas 20 minutos
Triumph TE-1 [divulgação]
Triumph TE-1 [divulgação]

A moto elétrica da Triumph parece mais próxima da realidade. Nesta semana, a marca anunciou que o modelo TE-1, seu primeiro projeto movido a eletricidade, concluiu os testes e teve alguns de seus resultados divulgados pela fabricante.

Para impulsionar a moto, a Triumph fez uma parceria com a Helix, que desenvolveu o conjunto mecânico. O resultado foi um propulsor elétrico de 177 cv que é capaz de atingir os 100 km/h em menos de quatro segundos. Já a bateria tem autonomia de 161 km, mas consegue ter 80% da carga carregada em apenas 20 minutos.

Por ser elétrica, a TE-1 conta com um peso superior ao dos modelos a combustão equivalentes em categoria, tendo 220 kg. Mesmo assim, a Triumph afirma que o seu modelo é até 25% mais leve que as demais motos elétricas da categoria, garantindo a melhor relação peso/potência.

Triumph TE-1 [divulgação]
Triumph TE-1 [divulgação]

Testes da moto elétrica da Triumph

Nesta fase de testes, a Triumph e as demais empresas envolvidas, que inclui até mesmo a divisão de engenharia avançada da equipe Williams de F1, buscaram ampliar a autonomia do modelo. A meta de 100 milhas de alcance (os 161 km obtidos) foi alcançada, e um dos sistemas cruciais para este objetivo foi a inclusão da frenagem regenerativa, que funcionou perfeitamente durante as simulações.

Embora o sistema de recuperação de energia tenha sido aprovado nos testes, a Triumph acredita que há espaço para evoluções da frenagem regenerativa. Uma eficiência maior do motor elétrico e do sistema de transmissão pode colaborar para que o alcance dos futuros modelos de produção seja ainda maior.

Triumph TE-1 [divulgação]
Triumph TE-1 [divulgação]
Anunciado em 2018, o projeto da moto elétrica passou por diversas evoluções e por várias fases de testes desde então. Ainda não está certo se a TE-1 será produzida em série ou se servirá apenas como base para o desenvolvimento de outros modelos. O fato é que seus serviços foram bem prestados e serão fundamentais para a eletrificação da Triumph.

>> Yamaha Fazer FZ25 ganha série em homenagem a Thor: Amor e Trovão

>> Moto elétrica do iFood custa pouco mais que uma Honda Pop 110i

>> Kawasaki Z 650 RS e Versys 650 têm preços revelados no Brasil

Sobre o autor

Leo Alves

Comente

Clique aqui para comentar