Destaque Novidades

Moto elétrica do iFood custa pouco mais que uma Honda Pop 110i

Voltz EVS Works ganha edição especial do iFood com preço reduzido e bateria intercambiável com autonomia para até 180 km
Voltz EVS Works iFood [divulgação]
Voltz EVS Works iFood [divulgação]

Ainda que os carros elétricos estejam longe de se tornar populares e não há sequer um deles produzido no Brasil, entre os meios de transporte sob duas rodas a realidade é outra. Além dos já populares patinetes elétricos e mini motos, a startup Voltz quer tornar o uso de motos elétricas algo comum e por isso chamou o iFood para uma parceria.

A EVS Works, versão voltada a entregas do iFood foi lançada com o objetivo de tornar as entrega mais ágeis e mais baratas para o entregador. Segundo testes feitos pela marca, a redução do custo de rodagem chega a 60%. Isso porque para quem roda 3 mil km mensais, pode chegar a gastar mais de R$ 600 só em combustível.

A ideia da Voltz e do iFood é oferecer a EVS Works com sistema de baterias compartilhadas na qual o usuário troca as baterias quando a carga acaba. Por mês, ele gasta R$ 129 de assinatura para rodar até 2.000 km ou R$ 219 para franquia de 4.000 km. Com quilometragem livre o custo é de R$ 319.

Voltz EVS Works iFood [divulgação]
Voltz EVS Works iFood [divulgação]
O sistema funciona por meio de estações de carregamento onde o entregador deixa a bateria descarregada e troca por uma unidade totalmente carregada com 100 km de autonomia. É possível levar até duas baterias, que juntas chegam a 180 km de autonomia total. O serviço funcionará somente em São Paulo, mas vai se expandir a outras cidades.

O mais interessante é que, por tentar expandir o mercado de motos elétricas, a Voltz cobra R$ 9.990 pela EVS Works. É um desconto de R$ 10 mil frente ao preço padrão do modelo não feito em parceria com o iFood. Ou seja, preço intermediário entre modelos a combustão usados por entregadores como Honda Pop 110i (R$ 8.330) e Yamaha Neo 125 (R$ 11.290).

Voltz EVS Works iFood [divulgação]
Voltz EVS Works iFood [divulgação]

>>Toyota assina contrato com Fiat e Peugeot para vender seus carros

>>5 carros com interiores tão feios quanto o Mundo Invertido

>>Os 10 carros mais caros já vendidos no mundo

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva