Destaque Mercado Novidades

Na contramão da crise, Porsche cresce 90% no brasil

Marca alemã vende 116.964 veículos em todo o mundo
Porsche
Porsche 911 (divulgação)

Mesmo em época de pandemia, quando o mundo vem sentindo os efeitos da crise imposta pelo novo Coronavírus, a Porsche comemora alta em vendas. No primeiro semestre de 2020, a marca alemã teve no Brasil um crescimento de 90% em comparação com o mesmo período do ano anterior, com 1.535 unidades comercializadas.

De acordo com a marca, o número é muito próximo do total de vendas em todo o ano de 2019 (1.849 unidades) no país. No mundo, entre janeiro e junho, a Porsche entregou total de 116.964 carros a clientes. Ou seja, mesmo com o fechamento de diversas concessionárias por conta do isolamento social, a queda foi de apenas 12% no período – em 2019, foram 133.484 emplacamentos.

Os carros

No Brasil, o líder de vendas da marca foi o 911, com 601 unidades. Tal número denuncia alta de 432% em relação ao mesmo período de 2019. . Na sequência, vêm Cayenne (390 unidades e alta de 32%) e Macan com números, respectivamente, 264 e 91%. Mundialmente falando, o Cayenne foi o modelo mais popular da marca, com total de 39.245 compras.

Mercados

Uma tendência relativamente positiva é evidente nos mercados da Ásia-Pacífico, África e Oriente Médio. Neles, a Porsche vendeu um total de 55.550 carros na primeira metade de 2020. Com 39.603 entregas, a China se mantém como o maior mercado individual em termos de volume para a fabricante de carros-esporte.

Além disso, a Coreia e o Japão se mostraram fortes mercados na região, com vendas, respectivamente, de 4.242 e 3.675 unidades. Na Europa, foram 32.312 unidades e, nos Estados Unidos, 24.186 carros entre janeiro e junho.

Veja mais:

>> Avaliação: testamos a configuração topo de linha da Fiat Strada

>> Dê atenção especial ao carro em época de frio

>> Hamilton vence de novo e se aproxima de Schumacher

Sobre o autor

Avatar

Redação

Comente

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva