Especial Novidades

Nissan Kicks: mais equipado e potente para os EUA

Crossover estreou no Salão de Los Angeles
Nissan Kicks (divulgação)

A Nissan apresentou no Salão de Los Angeles o Kicks, modelo de destaque na mostra norte-americana que abre suas portas ao público a partir de amanhã (01/12). A exibição do crossover marca sua chegada aos Estados Unidos, onde será vendido em configuração semelhante ao modelo vendido no Brasil.

O Kicks que abastecerá os EUA será importado do México, como as primeiras unidades que chegaram no Brasil em 2016. O crossover traz o mesmo desenho, além de ser equipado também com motor 1.6 (a gasolina), mas que entrega 125 cv em vez dos 114 cv da versão nacional. A transmissão também é automática CVT.

Além do propulsor, o Kicks americano terá como principal diferença a quantidade de equipamentos de série. Destaque para o sistema de frenagem automática (disponível aqui apenas como opcional para a SL), alerta de tráfego cruzado traseiro, alerta de ponto cego, sete airbags (ante dois do nacional), câmeras com visão 360º graus e partida à distância do motor. Por fim, haverá ainda central multimídia com tela de 7” e suporte a Apple CarPlay e Android Auto, bem como o opcional de um sistema de som da Bose, que traz dois alto-falantes acoplados no encosto de cabeça do banco do motorista.

Nos Estados Unidos, o Kicks será o substituto do Juke — um crossover com desenho controverso. Por lá, ele se posicionará abaixo dos SUVs Rogue Sport, Rogue, Murano, Pathfinder e Armada. Segundo a Nissan, o Kicks tem previsão de ser comercializado com preço abaixo dos R$ 19 mil (R$ 62.160 numa conversão direta).

Veja mais:

>> Nissan Leaf ganha versão esportiva Nismo

>> Hyundai lança novo Creta Sport 2.0

>> Jeep Renegade 2018: mais equipado e com nova versão diesel

Sobre o autor

Redação

Comente

Clique aqui para comentar