Destaque Novidades

Nissan March morre no Brasil e SUV Magnite o substituirá

Menor que o Kicks, SUV subcompacto Maginte tomará o lugar do March no Brasil, descontinuado pela Nissan
Nissan March (divulgação)

Sem atualizações desde 2014, o Nissan March deixa o mercado brasileiro. A montadora japonesa confirmou ao Auto+ que o hatch compacto deixou de ser produzido em Rezende, Rio de Janeiro. Ele segue à venda nas concessionárias Nissan até o fim dos estoques. O substituto Magnite só virá dentro de alguns anos.

Em declaração oficial, a marca japonesa diz que “como parte natural do ciclo de vida do produto e para a adequação de sua capacidade de produção à realidade do mercado, a Nissan decidiu encerrar a fabricação do Nissan March em seu Complexo Industrial de Resende”.

Mas os donos do March podem ainda ficar tranquilos pois “a Nissan assegura que mantém inalterado todos os serviços de manutenção e reposição de peças para os proprietários das diferentes versões do modelo, que teve uma longa trajetória de sucesso no país”.

Nissan March (divulgação)

Aqui no Brasil, o March iniciou sua carreira em 2011 quando ainda era importado do México. Ganhou novo visual e produção em solo nacional em 2014, junto ao seu irmão Versa. Desde então, nem o sedã, nem o hatch passaram por mudanças visuais. Ambos foram os responsáveis por inaugurar a fábrica carioca da Nissan no Brasil.

Recentemente a Nissan havia encerrado a produção das versões com motor 1.0 do March, mas isso não foi suficiente para assegurar a sobrevida do hatch compacto. Enquanto isso, o antigo Versa mudou de nome para V-Drive, teve versões e preços reposicionados. Como brinde, a aposentadoria do March fez com que o sedã se tornasse o modelo mais barato da Nissan no Brasil.

Nissan March (divulgação)

Mini SUV no lugar do March

Segundo informações obtidas pelo Youtuber Andre Gessner, o Nissan March será substituído por um SUV. O escolhido foi o Magnite, modelo menor que o Kicks e que possui 4 metros de comprimento apenas. Isso se deve ao seu desenvolvimento na Índia, que concede descontos de impostos a carros com essa metragem máxima.

O Nissan Magnite é um SUV subcompacto posicionado abaixo do Kicks e que compartilha plataforma com o Kwid, a CMF-A. Rumores apontam para o uso da base CMF-B no Magnite brasileiro, o que possibilitará que ele fique um pouco maior, mais seguro e robusto. A plataforma será usada pelas próximas gerações de Sandero, Logan, Captur e Kicks.

Nissan Magnite
Nissan Magnite (divulgação)

Ironicamente, o único Nissan compacto atualmente feito nessa base é a nova geração do March (chamada de Micra na Europa). O Magnite ainda será lançado na Índia antes de iniciar sua produção no Brasil, ocupando assim o lugar do March em definitivo. Por isso sua estreia não deverá ocorrer antes de 2022.

O potencial de mercado do modelo é bastante grande, visto que ele não terá concorrentes diretos, visto que os modelos na mesma potencial faixa de preço como o SUV do Fiat Argo, CAOA Chery Tiggo 2 e JAC T40, são todos hatches com roupagem de SUV.

Nissan Magnite
Nissan Magnite (divulgação)

>>Nissan começa a produção do novo Versa para o Brasil

>>Nissan V-Drive 1.0 de R$ 57.990 só poderá ser comprado pela internet

>>Nissan Magnite é aposta para 2021

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar