Destaque Novidades

Novo Renault Captur turbo será lançado em 7 de julho

SUV compacto turbo Renault Captur 2022 promete ser o mais torcudo da categoria com 27,5 kgfm e transmissão CVT de oito marchas
Renault Captur [divulgação]
Renault Captur [divulgação]

Depois de reduzir drasticamente as versões do Captur no Brasil, a Renault prepara mudanças fortes para o SUV compacto. A marca francesa divulga a conta-gotas as novidades que o modelo receberá, mas a mais importante já foi revelada: o novo motor. Compartilhado com a Mercedes-Benz, o 1.3 TCe será a grande estrela da linha que estreia em 7 de julho.

Oficialmente a Renault divulga 170 cv e 27,5 kgfm de torque para o novo motor 1.3 quatro cilindros turbo flex. Nos Mercedes-Benz Classe A Sedan, GLA e GLB esse mesmo motor rende 163 cv e 25,5 kgfm de torque. A diferença de potência e torque se dá, principalmente, porque nos Mercedes ele bebe apenas gasolina, enquanto no Renault é flex.

Outra novidade fica por conta da transmissão automática do tipo CVT. Hoje no Captur 1.6 ela simula seis marchas. Na nova aplicação com motor turbo, o câmbio passará a simular oito marchas. Demais alterações mecânicas não foram divulgadas pela marca.

Renault Captur [divulgação]
Renault Captur [divulgação]

Novo estilo

Esteticamente o Renault Captur 2022 também mudará. Flagras revelaram que o modelo terá novo para-choque dianteiro, faróis full-LED e mudanças no conjunto de rodas. Influencias do Captur europeu de primeira geração são esperadas – afinal, o nosso modelo ainda está na primeira geração.

As alterações podem ser as mesmas aplicadas no Kaptur, versão russa do SUV compacto francês que ilustra essa matéria e que tem nome levemente diferenciado. Também são esperadas mudanças internas. Visto que o acabamento do SUV da Renault sempre foi seu maior ponto de crítica – problema resolvido no Duster quando mudou de geração.

Renault Captur [divulgação]
Renault Captur [divulgação]
Novas versões devem ser apresentadas também junto da mudança do Renault Captur 2022. Atualmente o modelo é vendido somente com motor 1.6 SCe na versão Bose. A manutenção do motor aspirado na linha ainda é dúvida.

>>Renault Mégane desiste de ser hatch e vira SUV elétrico

>>Duster pode ganhar versão de 7 lugares contra Jeep Commander

>>Renault Zoe evolui tanto que parece outro carro | Impressões

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar