Destaque Novidades

Novo Volkswagen Jetta sobe de nível na sétima geração

Sedã ficou maior e mais equipado; vendas começam em outubro com preço a partir de R$ 109.990
Volkswagen Jetta R-Line (divulgação)

A sétima geração do Volkswagen Jetta estreia no Brasil! O novo sedã médio vem totalmente renovado, com maior e porte e maia equipamentos para enfrentar a concorrência de Toyota Corolla, Honda Civic e companhia.

O sedã está confirmado para chegar às lojas em outubro em duas versões, com preços entre R$ 109.990 (Comfortline) e R$ 119.990 (R-Line). Sim, o novo Jetta ficou consideravelmente mais caro que o modelo anterior.

Visualmente, o novo Jetta traz desenho inspirado no sedã Arteon, que traz um perfil mais esportivo. O sedãsegue essa linha por conta da maior grade dianteira que forma um desenho integrado aos faróis.Os vincos ficaram mais demarcados na carroceria, enquanto a traseira está mais baixa e curta, seguindo uma linha mais cupê do que um modelo três volumes tradicional. E é nessa característica que ele se parece bastante com o Virtus, o sedã do Polo.

Volkswagen Jetta R-Line (Auto+)

Além do estilo totalmente novo, a sétima geração do Jetta ficou maior em todas as dimensões, se distanciando do Virtus. Isso é fruto da adoção da versátil plataforma MQB, usada no Golf, Passat, entre outros modelos da marca. Com isso, o Jetta passa a medir 4,70 metros de comprimento (4,3 centímetros a mais) e 1,80 m de largura (2,1 cm a mais), enquanto a altura de 1,47 m permaneceu igual ao modelo antigo. O entre-eixos aumentou em 3,7 cm, passando a 2,68 m, aumentando o espaço interno. Já o porta-malas seguiu com a mesma capacidade de 510 litros, ou seja, pouco menor do que o Virtus (que leva 521 litros).

Volkswagen Jetta R-Line (divulgação)

Por dentro, há uma semelhança com o desenho da dupla Polo/Virtus, mas com a vantagem de contar com acabamento mais bem cuidado, a exemplo das superfícies emborrachadas que aparecem no painel e nas portas. Destaque na versão R-Line é o painel de instrumentos digital configurável com tela de 10,25 polegadas, além da iluminação ambiente, que conta com 10 opções de cores para o motorista escolher.

Volkswagen Jetta R-Line (divulgação)

Já debaixo do capô a Volkswagen manteve o eficiente motor 1.4 TSI flex de até 150 cv e 25,5 kgfm de torque (ou 250 nm, no qual a sigla 250 TSI se refere). A transmissão automática é a mesma Tiptronic, com seis marchas. Nos Estados Unidos, o sedã recebeu uma nova com oito velocidades.

A versão com motor 2.0 TSI oferecida na geração anterior deixa de ser oferecida, ao menos por enquanto, já que nem nos Estados Unidos essa versão foi lançada. O mais esperado é que o modelo ganhe o motor mais potente (com motor de 230 cv) em 2019.

Abaixo, confira a lista de equipamentos de cada versão do novo Jetta:

Jetta Comfortline 250 TSI (R$ 109.990): essa versão traz ar-condicionado digital de duas zonas, seis airbags (frontais, laterais e de cortina), faróis de led, controle de estabilidade e tração, assistente de partida em rampa, sensor de estacionamento dianteiro e traseiro e central multimídia Discover Media com tela de 8 polegadas e integração com Apple CarPlay e Android Auto. Há ainda rodas de liga leve de 17 polegadas, chave presenvial para acesso e partida, volante multifuncional com regulagem de altura e distância, bancos de couro, frenagem de emergência para manobras de ré, bloqueio eletrônico de diferencial e seletor de modo de condução. Teto solar é opcional por R$ 4.990.

Jetta R-Line 250 TSI (R$ 119.990): se diferencia pela grade dianteira em preto brilhante e soma mais itens como o painel de instrumentos digital Active Info Display, controle de velocidade adaptativo, frenagem autônoma de emergência, frenagem pós-colisão e farol alto automático. Soma também rodas de liga leve de 17 polegadas com desenho exclusivo e acabamento escurecido, detector de fadiga e alerta de distância. Teto solar é opcional por R$ 4.990.

Veja mais:

>> Maior e menos “careta”, novo Jetta é revelado em Detroit

>> Chevrolet Cruze ganha tapa no visual nos EUA

>> Touring: a melhor versão do Honda Civic

Sobre o autor

Diego Dias

Diego Dias

Comente

Clique aqui para comentar

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva

Instagram

Jocar