Destaque Novidades

Polícia de São Paulo usará Mercedes-Benz GLE Coupé como viatura

Apesar de não ser um AMG, o Mercedes-Benz GLE Coupé é bem mais veloz que as Chevrolet Spin normalmente usadas como viatura
Mercedes-Benz GLE Coupe Viatura [Secretaria de Comunicação do Governo de São Paulo]
Mercedes-Benz GLE Coupe Viatura [Secretaria de Comunicação do Governo de São Paulo]

Assim como já acontece comumente lá fora e com a Polícia Rodoviária Federal no Brasil, carros de luxo apreendidos estão vestindo a farda e se tornando viaturas policiais. E a mais nova adição à corporação da Polícia de São Paulo é um Mercedes-Benz GLE Coupé que pertenceu ao traficante André do Rap.

O SUV cupê foi apreendido pela Polícia de São Paulo em 2019 em uma ação contra o traficante. Após uma decisão de Justiça do estado, foi emitida autorização para usar o Mercedes como viatura policial junto a um avião Cessna Caravan e um helicóptero Esquilo AS350 B2 – ambos também apreendidos em operações.

Para vestir a farda, o Mercedes-Benz GLE Coupe recebeu pintura preto fosco por toda carroceria, exceto portas que mantém tom branco brilhante. Ele ganhou ainda luzes auxiliares de emergência e giroflex. Detalhes cromados da carroceria foram substituídos por preto brilhante, incluso o logotipo da Mercedes.

Mercedes-Benz GLE Coupe Viatura [Secretaria de Comunicação do Governo de São Paulo]
Mercedes-Benz GLE Coupe Viatura [Secretaria de Comunicação do Governo de São Paulo]
Apesar de não ser a versão AMG, o GLE Coupé da Polícia é da versão 400 a qual conta com motor V6 3.0 de 333 cv e 49 kgfm de torque. Gerenciado por um câmbio automático de nove marchas, o motorzão consegue empurrar o SUV cupê aos 100 km/h em apenas 5,9 segundos e só para de acelerar aos 247 km/h. Tração integral também está presente.

A Polícia não informou de que ano é esse GLE Coupé. Contudo, trata-se da primeira geração do modelo, a qual foi vendida entre 2016 e 2019. Ele será usado pelo Denarc (Departamento de Investigações sobre Narcóticos) para combate ao crime organizado e tráfico de drogas. Já o avião e o helicóptero foram incorporados na frota de transporte de órgãos doados.

>>Ford anuncia recall de 3 milhões de carros por causa do câmbio

>>VW e Mercedes vão banir os carros a combustão até 2035

>>Carros elétricos da Chevrolet dependem que modelos a gasolina vendam

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar