Curiosidades Novidades

Tesla Model X reboca avião de 130 toneladas

SUV deve bater recorde de reboque entre elétricos
(reprodução)

Depois de lançar um carro para o espaço, a Tesla deu mais um passo para tornar seus modelos elétricos ainda mais conhecidos mundialmente. Isso porque o Model X, SUV exótico da fabricante, foi colocado à prova para rebocar nada menos do que um Boeing 787-9 Dreamliner, no aeroporto de Melbourne, Austrália.

Você não leu errado: o Tesla Model X foi para a pista “puxar” um avião de aproximadamente 130 toneladas! Para se ter noção, a capacidade de reboque do SUV elétrico é de apenas 2.267 kg, ou seja, o avião ultrapassa esse limite em mais de cinquenta vezes. Mas isso não foi empecilho para o carro rebocar o avião por quase 300 metros de pista.

O feito deverá garantir ao Tesla Model X o título de veículo elétrico com maior capacidade de reboque do mundo, caso o Guiness confirme que o modelo não passou por qualquer tipo de modificação para ser realizada a façanha. Vale ressaltar que o SUV elétrico na versão mais potente P100D tem dois motores elétricos para render mais de 500 cv, porém, o que fez a diferença aqui foi o torque instantâneo de 67,3 kgfm.

E parece que carros puxando aviões por aí virou moda, já que a Volks já fez o mesmo no ano passado com uma Amarok V6 puxando um Boeing 747 de 180 toneladas. A Porsche foi além: atualmente detém o recorde mundial de capacidade de reboque com o Cayenne, que rebocou um Airbus A380 (maior avião comercial do mundo) com 285 toneladas de peso.

A ação foi feita pela companhia aérea australiana Qantas em parceria com a Tesla, que vai dar milhas para clientes Tesla.

Veja mais:

>> VW Amarok V6 “puxa” Boeing 747 em campanha

>> SpaceX manda Tesla Roadster para fora da Terra

>> Novo Tesla Roadster vai de 0 a 100 km/h em 1,9 segundo

Sobre o autor

Avatar

Redação

Comente

Clique aqui para comentar

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva