Destaque Novidades

Toyota planeja esportivo com motor 1.0

Inédito modelo esportivo da Toyota (em parceira com Suzuki) pode resgatar o nome MR2, mas com motor 1.0 turbo e visual bem futurista
Toyota Esportivo 1.0 [Best Cars Japão]
Toyota Esportivo 1.0 [Best Cars Japão]

A Toyota está voltando aos bons tempos dos anos 1990 quando sua linha de modelos era recheada de esportivos. Depois de ressuscitar o Supra e trazer o 86 para a uma segunda geração, a marca japonesa agora planeja um esportivo com motor 1.0 central-traseiro. Por mais estranha que pareça, a ideia tem grande potencial.

O novo esportivo 1.0 da Toyota será um projeto comum tocado pela marca japonesa e também por Suzuki e Daihatsu. Até a Subaru pode também participar dessa parceria, mas nada certo por enquanto. Como os custos para o desenvolvimento de um carro pequeno com plataforma para motor central-traseiro são altos, a Toyota precisou de parceiras.

Diferentemente de outros modelos da marca, esse esportivo 1.0 terá uma base dedicada e exclusiva. Afinal, não há outro modelo, sem ser um focado na diversão ao dirigir, que tenha esse layout. O motor, no entanto, será usado por outros modelos das marcas parceiras.

Mais potência no 1.0?

Ainda não há detalhes sobre ele, mas será um 1.0 três cilindros turbo com, no mínimo, 130 cv. A Toyota já mostrou que sabe fazer motores pequenos bem potentes. Exemplo é o 1.6 do GR Yaris que, com três cilindros, entrega 261 cv. Não fica difícil, portanto, imaginar que esse 1.0 tenha 163 cv, caso siga a relação litragem-potência do 1.6 do Yaris da Gazoo Racing.

Pouco ainda se sabe sobre o visual para além do que a revista japonesa Best Cars especula. O possível novo Toyota MR2 terá carroceria bem esportiva com linhas quadradas e porte compacto. Deve ser menor que um Toyota Yaris japonês ou ter pelo menos o comprimento bastante semelhante.

Toyota Esportivo 1.0 [Best Cars Japão]
Haverá versão Gazoo Racing com visual mais esportivo. Para as variantes Suzuki e Daihatsu, espere por mudanças em para-choques, tanto dianteiro quanto traseiro, além de faróis e lanternas exclusivas. Ou, caso a lógica Toyota GR86 e Subaru BRZ se repita, haverá apenas para-choques diferentes para cada marca.

>>Toyota Hilux Hybrid será vendida no Brasil com produção na Argentina

>>Por que e onde são vendidos esses bizarros sedãs curtos?

>>Concessionária Toyota vende RAV4 a meio milhão por motivo questionável

Sobre o autor

João Brigato

Um comentário

Clique aqui para comentar