Destaque Novidades Serviço

Velas de ignição: veja como fazer a manutenção

Dificuldade na hora da partida e carro com alto consumo de combustível são indícios de falhas nas velas
Velas de ignição (reprodução)

Você já pegou o carro e notou uma dificuldade na hora de dar a partida no motor? Ou até mesmo aumento no consumo de combustível e falhas durante as retomadas? Saiba que esses “sintomas” podem ser culpa das velas de ignição.

Com certeza você já deve ter ouvido falar da vela de ignição, que é uma das responsáveis pelo funcionamento do motor. Para quem não sabe, sua função é basicamente conduzir a corrente elétrica gerada no transformador até a câmara de combustão, assim, produzindo a centelha (a faísca elétrica) para a partida no motor. Ou seja, é por conta dessa importante peça que há a queima correta da mistura ar/combustível.

Mas no caso de as velas estiverem desgastadas, o motor vai começar a dar alguns sinais de falha como os descritos no início. São falhas que podem até passar despercebidas por alguns motoristas, mas o problema é exatamente esse: basta as velas estarem em más condições para afetar outros componentes do carro. Um exemplo? O catalisador, que pode começar a receber sobra de combustível não queimado corretamente na câmara de combustão.

Abaixo, confira como identificar falhas nas velas e como fazer sua troca no tempo certo:

Veja mais:

>> Limpadores de para-brisa: saiba fazer a manutenção correta

>> Conheça os tipos de óleo para o seu carro

>> Catalisador: saiba como funciona e aumentar sua durabilidade

Sobre o autor

Avatar

Redação

Comente

Clique aqui para comentar