Especial Novidades

Visite esses museus com motos sem sair de casa

Museu da Honda, Ducati, BMW; confira os principais museus ‘duas rodas’ ao redor do mundo
Honda Collection (reprodução)

Com a pandemia no coronavírus causando o fechamento de comércios, cancelando Salões do Automóvel e fechando fábricas de carros por todo o mundo, resta à nós ficar em casa e ocupar o tempo da melhor maneira. No começo da quarentena recomendamos alguns games para você se divertir em casa, mas agora vamos listar alguns dos museus para você, fã de motos, visitar… virtualmente!

Então ajeite a cadeira aí, faça uma pipoca e curta cada museu que vamos mostrar a seguir sem sair de casa:

 

BMW Museum (reprodução)

BMW Museum (baixe o app para visitar/ Android e iOS)

Fechado como todos os museus deste tipo, o BMW Museu (localizado em Munique, na Alemanha) felizmente pode ser visitado virtualmente enquanto não podemos sair na rua. No entanto, para conferir os modelos mais emblemáticos da marca bávara, os detalhes dos famosos motores boxer e conhecer suas histórias, é necessário baixar um aplicativo para o smartphone, disponível para sistema Android e ios.

 

Ducati Museum (reprodução)

Ducati Museum (clique aqui para visitar)

Instalado dentro da fábrica da marca italiana (considerada por muitos a ‘Ferrari das motos’), o Museu da Ducati tem a presença das motos mais marcantes de sua história, bem como modelos de produção em série de diversas décadas. Por lá você poderá ver as motocicletas que competiram na Moto GP e Superbike, a Scrambler original dos anos 1960 e a aclamada naked Monster da década de 1990.

 

Honda Collection (reprodução)

Honda Collection Hall (clique aqui para visitar)

Uma das marcas mais famosas de motocicletas do mundo também tem um museu para chamar de seu. Sediado no Japão, o Museu da Honda fica em um prédio de três andares, que inclusive fica no complexo Twin Ring Motegi – local com direito a autódromo com circuito misto e oval. No 2º andar do prédio você vai encontrar ícones da marca como a primeira cub (no estilo da famosa Biz), a primeira scooter e a saudosa CB 750.

 

Kawasaki Good Times World (reprodução)

Kawasaki Good Times World (clique aqui para visitar)

A Kawasaki é uma das marcas listadas nessa lista que atua em ramos que vão além das motos, como transportes e robótica. Mas aqui para nós o protagonismo vai para o mundo duas rodas, onde a marca famosa pelas esportivas Ninja se destaca. No museu, localizado em Kobe no Japão, dá para ver virtualmente modelos como a clássica a Z1 900 da década de 1970 e as diferentes gerações da Ninja. Outros modelos de competição da Kawasaki também estão presentes na mostra.

 

Yamaha R1 (reprodução)

Yamaha Communication Plaza (clique aqui para visitar)

O mais bacana dos museus virtuais é a imersão causada pela ferramenta Google Street View que, como se sabe, oferece uma experiência com visão 360 graus de diversos ambientes. No caso do museu da Yamaha, a experiência de visita ao seu acervo é diferente, mas não mais bacana. A marca tem um catálogo com as principais motos, que passam por dos modelos da família DT, a superesportiva R1 e a amada Super Teneré.

Veja mais:

>> Vendas de motos têm pior média diária em 16 anos

>> Veja 5 games para ‘dirigir’ e se livrar do tédio na quarentena 

>> Covid-19: Toyota retoma produção só em junho

Sobre o autor

Avatar

Redação

Comente

Clique aqui para comentar

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva