Destaque Segredos

Projeto XBP: próxima Fiat Strada será híbrida e porte de Montana

Migração total dos compactos da Stellantis para a plataforma da Peugeot levará a FIat Strada a um novo patamar conhecido como Projeto XBP
Fiat Strada Ultra turbo [Auto+ / João Brigato
Fiat Strada Ultra turbo [Auto+ / João Brigato]
Compartilhar

Apesar de ser o carro mais vendido do Brasil há dois anos, os dias da Fiat Strada já estão contados. A Stellantis trabalha na terceira geração da caminhonete compacta (Projeto XBP), que mudará radicalmente mais uma vez. A transição será tão radical, que ela ficará maior e deixará o segmento de compactas em definitivo.

Depois de descobrir com exclusividade sobre as novas gerações de Argo/Uno, Pulse e Fastback, fontes ligadas à Stellantis contaram ao Auto+ sobre o maior segredo da marca: o Projeto XBP. Assim como os modelos anteriormente mencionados, ela será um projeto global, diferentemente da atual geração derivada do Mobi.

A terceira geração da Fiat Strada / Projeto XBP será construída sobre a plataforma CMP do Peugeot 208, também chamada de STLA Small. A base já é de responsabilidade da engenheira brasileira, que trabalha nos reforços necessários para manter a robustez que a Fiat Strada sempre teve. Há chance, inclusive, de manter a suspensão por feixe de molas.

Fiat Strada Ultra turbo [Auto+ / João Brigato
Fiat Strada Ultra turbo [Auto+ / João Brigato]

Híbrida e elétrica

O mais interessante sobre a Fiat Strada terceira geração / Projeto XBP é a enorme quantidade de motores que ela terá. Para o Brasil, em específico, teremos duas opções. As versões de entrada virão com o 1.3 Firefly quatro cilindros aspirado associado ao câmbio manual de cinco marchas.

Esse motor passará por melhorias e mudanças para ficar mais potente na nova geração da Strada. Hoje ele entrega 107 cv e 13,7 kgfm. Já as versões mais caras virão com um inédito motor semi-híbrido. O 1.0 T200 três cilindros turbo flex ganhará sistema micro-híbrido no qual o motor de partida e o alternador são substituídos por um motor elétrico.

Fiat Strada Ultra turbo [Auto+ / João Brigato
Fiat Strada Ultra turbo [Auto+ / João Brigato]

O sistema deve dar um fôlego a mais para os 130 cv e 20,4 kgfm de torque que hoje o 1.0 turbo não eletrificado entrega. Além disso, é esperada uma economia de 5% no consumo de combustível. Mas, como a Strada vai crescer, os níveis de gasto devem ficar iguais. No modelo turbo, só haverá câmbio CVT.

Fora do Brasil, ela terá dois motores ainda não desvendados. Há chance de ser o 1.2 PureTech da Peugeot em variante turbo de 110 cv e de 130 cv. Além disso, ela contará com uma versão 100% elétrica. Aqui no nosso país, a Strada elétrica é pouco provável de ser vendida.

Fiat Strada Endurance branca
Fiat Strada Endurance [divulgação]

Montana e Oroch são o alvo

A grande novidade sobre a Fiat Strada / XBP é que ela crescerá e muito. A Stellantis colocou como benchmark para a caminhonete as intermediárias mais compactas da categoria, vulgo Chevrolet Montana e Renault Oroch. Hoje a Oroch tem 4,70 m de comprimento, enquanto a Montana fica em 4,72 m.

Ou seja, espere que a nova Strada saia de seus 4,44 m para algo na faixa dos 4,70 m, a aproximando mais da Fiat Toro. Ainda assim, a Toro tem 4,94 m, ou seja, uma distância segura para que as duas convivam pacificamente. Afinal, se Compass e Renegade, com diferença de apenas 16 cm não brigam, as irmãs com 24 cm de distância ficarão bem.

Fiat Strada Endurance 2024
Fiat Strada Endurance [divulgação]

Como a próxima geração da Volkswagen Saveiro também vai subir para esse segmento, a categoria das caminhonetes compactas será extinta da maneira com a qual conhecemos. O crescimento da Strada também obrigará a Fiat a mexer na Toro, que terá mudanças visuais e melhorias na cabine. 

A grande dúvida ainda sobre o projeto é a manutenção ou não de uma versão cabine simples. Oroch, Montana e a próxima Saveiro serão vendidas só com cabine dupla. Contudo, a XBP pode manter uma versão cabine simples para dar conta do espaço que hoje ocupa a Strada. Afinal, a Endurance hoje representa 30% das vendas da picape Fiat.

Fiat Strada automática
Fiat Strada Volcano CVT [Auto+ / João Brigato]

Com as mudanças, acha que a Fiat Strada seguirá líder de mercado? Conte nos comentários.

>>Stellantis troca Jeep Avenger por novos Pulse, Fastback e Uno

>> Programa sobre carros da Amazon dará adeus em breve

>> Proprietário abandona seu Kia Sportage após vários roubos

Sobre o autor

João Brigato

3 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Uma Strada baseado no 208 irá ser uma bela evolução, e sobre a versão elétrica e de cabine simples, se realmente existir seria a chance da Fiat vender a Strada nos EUA e recuperar da bola fora que ela deu ao não vender a Toro por lá.

  • A stellantis deveria trazer para o Brasil, a picape Strada, totalmente elétrica, já que a China tá lançando seus modelos de picapes elétricas…
    Só um toque, pra depois não dizer que eu não avisei 🤷🏻‍♂️

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva

Este site utiliza cookies e tecnologias semelhantes para personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao navegar em nosso serviço você aceita tal monitoramento. Para mais informações leia nossa
Este site utiliza cookies e tecnologias semelhantes para personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao navegar em nosso serviço você aceita tal monitoramento. Para mais informações leia nossa