Destaque Racing

Os segredos para um um pit stop perfeito na Stock Car

Com evolução da categoria, troca de pneus e abastecimento levam apenas 18 segundos
Stock Car pit stop (Auto+)

Quem acompanha uma corrida, independentemente da categoria, nem imagina o trabalho e o nível de concentração que há nos boxes durante os pit stops, as conhecidas paradas para troca de pneus. Isso não é diferente na Stock Car, que passou a ter rodadas duplas (duas corridas por fim de semana) desde 2014, o que tornou o pit stop ainda mais recorrente e fundamental.

Entre as mudanças mais importantes,  desde 2009 as rodas dos bólidos da Stock Car contam com uma porca só, detalhe que facilita muito a operação. Antes disso, eram cinco porcas, o que deixava o pit stop bem mais lento, além de  aumentar a chance de erros.

Para se ter ideia da evolução, o pit stop para troca de pneus e abastecimento em uma corrida na Stock Car caiu para apenas 18 segundos, contra os 35 segundos gastos até 2008.

Claro, as evoluções não apareceram somente pelas mudanças técnicas, mas também pela especialização de quem atua diretamente nesta operação: os mecânicos. Hoje eles são muito mais exigidos e contam com um treinamento intenso – digno de atletas – para a execução perfeita de todas as ações que envolvem um pit stop. Para entender um pouco mais, confira a reportagem do Auto+.

Veja mais:

>> Veja como funciona o dispositivo de ultrapassagem da Stock Car

>> Visitamos o Museu das 24 Horas de Le Mans

Sobre o autor

Tiago Mendonça

Tiago Mendonça

Um comentário

Clique aqui para comentar

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva

Jocar