Curiosidades Destaque

Só existem 11 marcas que não vendem SUVs (e número vai diminuir)

Da lista de onze marcas que não vendem SUVs hoje no mundo, cinco já tem modelos na categoria confirmados para muito em breve
Ford Bronco Sport Wildtrack [Auto+ / João Brigato]
Ford Bronco Sport Wildtrack [Auto+ / João Brigato]

Goste ou não, os SUVs se tornaram o tipo mais comum de carros hoje. Por mais que muitos critiquem, os utilitários são rentáveis para as marcas e o público adora. Foi um SUV (Cayenne) que salvou a Porsche, enquanto outro (Urus) se tornou o carro mais vendido da história da Lamborghini em apenas três anos.

Prova da dominação mundial dos SUVs é que um levantamento feito pelo Motor1 revelou que existem apenas 11 marcas ao redor do mundo que não vendem SUVs. E o pior: dessas onze, cinco já tem modelos confirmados para serem lançados neste ano ou nos próximos.

A lista é formada por Abarth, Alpine, Bugatti, Chrysler, Ferrari, Lancia, Lucid, McLaren, Pagani, Polestar e RAM. Interessante notar que, das onze montadoras, praticamente cinco são da Stellantis, especificamente Abarth, Chrysler, Lancia e RAM, enquanto a Ferrari não faz parte do grupo, mas seus controladores estão lá.

Abarth Pulse [divulgação]
Abarth Pulse [divulgação]
E de todas essas, só a RAM não tem SUVs nos planos – a Lancia também não oficialmente, mas precisará de um modelo na categoria para sobreviver. A Abarth lançará o Pulse nesse ano como seu primeiro SUV e não deverá parar por aí. Já a Chrysler prepara diversos modelos na categoria com foco no mercado elétrico.

Por sua vez, a Ferrari já tem o Purosangue em desenvolvimento, inclusive vazado em imagens dentro da fábrica. Fora do grupo Stellantis e ainda sem SUVs, a Alpine pertence à Renault e já anunciou que terá pelo menos um SUV nos próximos anos – esse será elétrico e desenvolvido junto da Lotus, que recentemente lançou um modelo na categoria.

Ferrari Purosangue
Ferrari Purosangue [reprodução]
Já a Polestar, braço elétrico e esportivo da Volvo, também planeja um SUV para completar sua linha. Afinal, todas as marcas do grupo Geely, sem exceção, têm pelo menos um utilitário em seu portfólio.

Mas existem marcas que ainda não sucumbiram à onda dos SUVs? Sim. McLaren e Pagani parecem as mais improváveis de adotar um utilitário em sua gama de modelos. A Bugatti, por outro lado, já a Bugatti já foi alvo de rumores sobre um modelo no segmento. Enquanto isso, a Lucid, como se mira na Tesla, terá um modelo na categoria muito em breve.

>>5 carros que despertaram raiva dos fãs só por causa do nome

>>Os carros da Opel que a Chevrolet esqueceu de vender no Brasil

>>Mais 5 carros que fracassaram feio e foram esquecidos

Sobre o autor

João Brigato

2 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Acho que a sigla SUV está sendo utilizada fora de seus conceitos primordiais. Deveria ter uma sigla pra carros utilitários que não sejam realmente esportivos. Tem muitos veículos no mercado tudo com o mesmo conceito, mas que no fundo podem se enquadrar em categorias diferentes.