Avaliação Destaque

Hyundai Creta 2022 vale à pena é com motor 1.0 turbo | Impressões

Nova geração do Hyundai Creta aposta em motor 1.0 turbo ou 2.0 aspirado, mas o motor menor é que se mostra mais atraente
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]

A onda dos motores turbo veio para ficar. Prova disso é que hoje a maioria dos SUVs compactos ou já tem uma versão turbo ou está em vias de receber. Tanto que na nova geração do Hyundai Creta, o modelo sul-coreano abandonou de vez o motor 1.6 aspirado em favor do 1.0 turbo vindo do HB20. Resultado? É melhor que o 2.0 aspirado, que segue na versão de topo.

Durante o lançamento do novo Hyundai Creta 2022, a marca disponibilizou a versão mais cara da linha, a Ultimate com motor 2.0 aspirado de R$ 147.990, e a Platinum de R$ 135.490, a mais equipada com motor 1.0 turbo. Nos números, há uma considerável diferença entre eles, algo que na prática se provou pouco.

Com o novo motor 1.0 T-GDi três cilindros turbo, o Hyundai Creta se junta ao grupo de Chevrolet Tracker, Volkswagen Nivus, Volkswagen T-Cross, CAOA Chery Tiggo 3X e Fiat Pulse entre os SUVs compactos com motor 1.0 três cilindros turbo. São 120 cv e 17,5 kgfm de torque – menos que os números dos Volkswagen, mas acima do CAOA Chery e do Chevrolet.

Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Já com o 2.0 de 167 cv e 20,5 kgfm, o Hyundai Creta está sozinho: hoje não existe SUV compacto vendido no Brasil com motor de dois litros aspirado. Até pouco tempo atrás a Renault oferecia Duster e Captur com esse motor, mas que foi retirado de linha em favor do 1.3 turbo. Havia também o EcoSport, mas ele morreu.

Sensações opostamente parecidas

Enquanto nos números o Creta 2.0 tem 47 cv e 3 kgfm de torque a mais como vantagem, na prática a sensação é outra. O modelo turbinado e o aspirado andam de maneira bem parecida, com certa vantagem para o 1.0 em âmbito urbano. Explico: o 2.0 tem torque vindo em rotações mais altas, enquanto o turbo entrega toda força em giro baixo.

Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Como a transmissão automática de seis marchas de todas as versões do Creta trabalham privilegiando as marcas mais altas, as trocando desesperadamente e derrubam a rotação constantemente. Com isso, o modelo turbo anda melhor. É como se a Hyundai fizesse a programação da transmissão desde o começo pensando nos carros turbo.

Para fazer o Creta 1.0 acender, basta pisar um pouco mais no acelerador. Já no 2.0, é preciso esperar o motor encher e algumas marchas serem reduzidas para que ele ganhe força. O bom é que em ambos o câmbio responde rápido a um pisão mais forte no acelerador, tal qual troca de marcha rapidinho quando o pé alivia o pedal.

Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]

Típico comportamento

A substituição do motor 1.6 pelo 1.0 turbo fez bem ao Creta. Ele promete melhores números de consumo, mas agora finalmente deixou de ser xoxo. O restante do comportamento dele se manteve como antes. É um carro confortável, fácil de conviver e com nítido acerto voltado para um público que não torna a dirigibilidade como prioridade número um.

Macia, a suspensão é voltada ao conforto, o que faz com que a carroceria balance um pouco em curvas mais fortes. Já a direção tem peso adequado para sua proposta: não é leve demais a ponto de ser bobo, nem pesado demais para tentar se passar por um modelo esportivo. Destaque ainda vai para o ótimo isolamento acústico e de vento.

Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]

Onça que bebe água

Já que visual é algo bastante subjetivo e já foi muito discutido sobre isso no novo Hyundai Creta, vamos nos ater aos fatos. A cabine melhorou consideravelmente em relação ao modelo anterior. Manteve os plásticos de boa qualidade, sem direito a superfícies macias ao toque. Há uma porção com cor contrastante e costuras falsas que criam uma sensação sofisticada.

A cabine desenhada em formato de Y isola o motorista do passageiro e traz mais amplitude à cabine. O painel antes ficava próximo demais do para-brisa e reto, algo que foi corrigido no novo Creta. Destaque para o console central alto e com acabamento brilhante.

Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Já a sessão da central multimídia é um contraste entre a modernidade da tela de 10,25 polegadas e os comandos do ar-condicionado digital de uma zona que parecem de um modelo mais antigo. Curioso também é o fato de que apenas as duas versões mais caras do Hyundai Creta trazem freio de estacionamento eletrônico, sendo o restante com a tradicional alavanca.

O novo volante tem desenho moderno e ousado, com destaque para a base reta. Ele casa bem com o painel de instrumentos parcialmente digital, um dos diferenciais do Creta na categoria. Aliás, pela primeira vez o modelo nacional tem teto solar como item de série, oferecido nas versões Ultimate 2.0 e Platinum 1.0 turbo.

Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Por falar em equipamentos, a Hyundai bem que poderia ter feito uma versão Ultimate 1.0 turbo, trazendo itens como faróis full-LED, frenagem autônoma de emergência, piloto automático adaptativo, assistente de permanência em faixa e sensor de estacionamento – presentes somente no modelo mais caro com o 2.0 aspirado.

Ao menos o topo de linha com motor 1.0 já é bem recheado com luzes diurnas de LED, interior com couro marrom, monitoramento de pressão dos pneus, seletor de modo de condução, teto solar, sensor de ré, luzes diurnas de LED, câmera para ponto cego, além de Android Auto e Apple CarPlay.

Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]
Hyundai Creta 2022 [Auto+ / João Brigato]

Veredicto

A nova geração do Hyundai Creta entrega uma lista de itens de série bastante generosa por um preço dentro da média do mercado. O interior melhorou muito, mas ainda não é referência na categoria como o Jeep Renegade, mas é nitidamente bem superior ao VW T-Cross, Renault Captur e Chevrolet Tracker.

Vencido o preconceito inicial do visual bastante polêmico, o Creta se mostra mais uma vez uma compra certeira no segmento de SUVs compactos. A pedida é pela versão Platinum com motor 1.0 turbo e boa lista de equipamentos. Só resta a Hyundai fazer uma versão Ultimate 1.0 para ter o pacote definitivo.

>>Novo Hyundai Creta: preços, versões e equipamentos em detalhes

>>Commander só prova que a Jeep foi lá e fez de novo | Impressões

>>Segunda geração do Hyundai Creta desembarca por R$ 107.490

Sobre o autor

João Brigato

48 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Auto+ tem dito que os Mercedes e Audi que deixaram de ser fabricados no Brasil “morreram” como foi dito do Ecosport? Não, né? Mercedes e Audi “foram descontinuados” no Brasil e continuam sendo fabricados na Europa. Dois pesos e duas medidas. Sei porquê este tipo de linguagem. Sou jornalista profissional. Se vão usar o termo morreram, a honestidade jornalística recomenda tratamento igual, porque o Ecosport continua sendo fabricado na Europa e Índia e continua a ser vendido até nos EUA. Agora, se vão usar “morreu” pra todo veículo não fabricado no Brasil, o quê vão dizer dos Land Rover, todos vindo de fora? Não estão vivos porque não são fabricados no Brasil. Não morreram porque continuam sendo vendidos aqui. Então Auto+ pode chamar os Land Rover, Porsche, RAM, Bentley etc. de “carros zumbi”. Não são daqui, portanto, “mortos”. Mas estão nas lojas, portanto, “mortos vivos”. Vergonha alheia por este tipo de jornalismo.

  • Por esse Preço vai fica morfando nas consesonarias Piada de muito mal gosto
    Compra quem é idiota

    HMB acha que o brasileiro é otario

    Falta de respeito com consumidor o que a HMB fez
    esse carro é uma piada de mal gosto

  • Só comentários de crianças de 10 aninhos por aqui, não gostou não compre, não tem um puto no bolso, só não comprar, ótimo carro e muito bem acabado!!! Será que não se tocaram que carro 0 hj em dia menos de 100 mil não vai rolar

  • A Hyundai é famosa por fazer carros com acabamento superior ao que o lixo dos brasileiros estão acostumados. O visual dela sempre impressionou, mas depois do HB20 e agora com esse monstro que ficou o Creta. Começo a pensar que os designers estão competindo para fazer os carros mais horrendos. Até o lixo dos chineses melhoraram de visual. Acredito que no final vão vender pois um povo que compra Volkswagen, escuta funk e se identifica com o carnaval não vai se importar com algo tão fora do padrão. Quando vi a frente passei mal e ao ver a traseira deu diarréia. Kkkk Enfim o carro deve ter o acabamento da Hyundai, só é feio. Uma dica quando quiserem fazer algo legal vejam o que a Dodge está fazendo ou a Ford americana enfim, busquem ideias nos fabricantes americanos. Ou vcs asiáticos foque em fazer computadores e deixem os carros para quem inventou. Kkk

    • Pra mim eu continuo preferindo a Volkswagen do que essas carroças até a Peugeot é melhor do que essas merdas da Hyundai imagina a volks cara hyundai aqui no Brasil nunca teve carros bons nem ela nem a jeep são bons Volkswagen continua sendo melhor do que essas porcarias tu compra carro pelo acabamento ou pela qualidade

      VOLKSWAGEN É CARRO. E HYUNDAI É CARROÇA

      ENTENDA

    • Hyundai não tem nada de famosa esse comentário de Eduardo é totalmente tosco só mentira que ele escreveu e merda teve um hb20s 2020 só batia o plástico tanto no pinel quanto o acabamento da porta só plástico hoje tenho um virtus há 7 meses nunca bateu o plástico hyundai não é carro e sim carroça volks que é carro hyundai só tá fazendo porcaria hoje em dia isso mesmo é uma carroça você não entende nada de carro Volkswagen da 10 a 0 nessas carroças da hmb agora eu não vou perder tempo com essas porcarias do jeito nenhum vá comprar e seja feliz com essa desgraça que prefiro até Peugeot do que essas merdas quem compra hb20 ou Creta é quem é besta
      Nem jeep nem hyundai presta hyundai que só faz merda hoje em dia

      Seja feliz com essa carroça véia da Hyundai seu otário

    • Rindo do seu comentário kkkkkkk você praticamente é um vagabundo mesmo você não entende de nada de carro você deve ser um debilóide mesmo vá ver quantos plobemas que tem no hb20 no reclame aqui kkkkk

    • Comentário ridículo ignorante esse imbecil sabe de nada de carro era pra ser demitido esse comentário tanto do Gustavo Henrique quanto desse Eduardo?? comentário Ridículo ignorante e de mal gosto 🤮🤮

  • No dia 15 eu Comprei um Novo Creta ultimate azul a versão top de linha na páteo de Olinda o carro não tem uma semana já está lá na oficina desde ontem sem previsão com 12 km rodado já deu 5 plobemas a primeira foi na central multimídia a 2 é o motor fica batendo 3 é a cor descascando quando fez um dia 4 é o motor que ontem de noite pifou e carro tinha parado na rua por plobema eletrônica 5 é o plobema no freio adisco quando fez dois dias fiquei muito decepcionado com a hmb uma vergonha o cliente paga 148 mil reais e vir com esses defeitos o carro está lá na oficina sem previsão muito frustrado com essa Marca tinha um Captur 2017 nunca me deu plobema só esse nem sequer fez uma semana ridículo lamentável fui lesado péssima experiência tem gente que fala que “Esse carro e lindo” “top” lindo e top é quando faz 3 dias com plobemas e vai pra oficina falta de respeito com consumidor Agora não sei quando vou poder volta a ficar com meu carro muito frustrado com a marca pós venda horrível lesado não comprem só palhaço com o cliente essa @hmbpateoolinda

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva