Destaque Novidades

Ford confirma estreia do novo Mustang para 14 de setembro

Sétima geração do icônico muscle-car Ford Mustang estreia em setembro para retomar posto de líder que hoje está com o Dodge Challenger
Ford Mustang 2023 [reprodução]

Flagrado diversas vezes nas ruas, alvo de diversos rumores e até de um vazamento que revelou seu design completo, o novo Ford Mustang finalmente foi oficializado. Com estreia marcada para 14 de setembro, a sétima geração do muscle-car quer tomar a liderança do segmento novamente – roubada recentemente pelo ancião Dodge Challenger.

A sétima geração teve algumas confirmações importantes confirmadas no teaser. Primeiro que ele terá transmissão manual de seis marchas, algo celebrado por Jim Farley, CEO da Ford com a hashtag #SaveTheManuals (salve os manuais). Outra confirmação é que ele terá motor V8, para alegria dos puristas.

É esperado que ele continue a usar o Coyote 5.0 V8 da atual geração, mas com algumas melhorias e redução de consumo. O 2.3 EcoBoost quatro cilindros turbo de 310 cv também será mantido como alternativa para as versões de entrada do Mustang 20233. Contudo, o mais esperado é o inédito Mustang híbrido.

Ford Mustang 2023 [Motor.es]
Ainda não se sabe se a Ford combinará eletricidade e motor 4 cilindros ou V8, mas é esperado que esse Mustang seja o mais potente, rápido e com maior torque na história. O motor elétrico deve tracionar as rodas dianteiras, enquanto o a combustão impulsionará as traseiras, como hoje já faz.

Novos detalhes sobre a sétima geração do Ford Mustang serão revelados em breve. Vale lembrar que a atual sexta geração foi lançada em 2014 e completará 8 anos agora em 2022. Só não é a geração mais curta do esportivo pois a segunda durou apenas de 1974 a 1978, marcando um total de quatro anos no mercado.

Ford Mustang 2023 [Ford Authority]
Ford Mustang 2023 [Ford Authority]

>>Último Ford EcoSport fabricado na Índia sai da linha de montagem

>>Ford F-150 Raptor ganha motor V8 de Mustang e novo sobrenome

>>Volkswagen diz não a um SUV da Amarok, ao contrário do que a Ford fez

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva