Destaque Especial Novidades

Ford revela novo Mustang Mach-E, seu 1º SUV elétrico

Inspirado no Mustang, SUV terá até 480 km de autonomia
Mustang Match-E (divulgação)

Depois de inúmeros teasers e projeções, a Ford apresentou oficialmente no último domingo o Mustang Mach-E.

O SUV elétrico usa e abusa de linhas e da estética do Mustang tradicional, embalado numa carroceria mais alta e musculosa, conferindo ao modelo um design único e exclusivo.

O modelo é o primeiro da linha Mustang e, que segundo algumas especulações, pode vir a dar frutos num futuro não tão distante. Mas voltando ao Mach-E, ele conta com um visual bastante agressivo, motores elétricos e pode vir com tração traseira ou integral – dependendo da versão.

Mustang Match-E (divulgação)

O Mustang Mach-E terá uma versão de entrada com 255 cv batizada de Select, além de de outra chamada de  California Route 1 com 282 cv. A versão Premium chega com 333 cv, enquanto que a GT (que terá visual exclusivo) vai contar com 465 cv e 84,6 kgfm de torque! A autonomia na versão topo de linha será de 480 km.

Mustang Match-E (divulgação)

No quesito design, o Mach-E tenta ao máximo se aproximar do Mustang tradicional, com direito a uma entrada de ar falsa na dianteira, além dos faróis de LED que muito lembram o muscle car.

Mustang Match-E (divulgação)O Crossover tem perfil baixo e musculoso graças a um truque simples de design, que adiciona em todas as versões um aplique preto na tampa do porta-malas que, quando visto de perfil, faz com que o SUV elétrico pareça ter um teto mais caído – como em um cupê – mas sem sacrificar o espaço e conforto interno.

Mustang Match-E (divulgação)

Por falar no design, a traseira também traz as icônicas lanternas com 3 barras, mas no caso do Mach-E elas são ligadas por um filete de LED que vai em direção ao centro do porta-malas. Já no interior, o Mach-E tem mais cara de Tesla Model Y – o novo e pequeno Crossover da marca de Elon Musk.

Mustang Match-E (divulgação)

O painel tem acabamento premium e uma enorme tela central vertical de 15,5 polegadas que abriga os comandos do ar-condicionado, central multimídia, entre outras funções do carro. Ela ainda cota com assistência virtual, que pode ser da Apple Siri, Google Assistance, Amazon Alexa, entre outras.

Mustang Match-E (divulgação)

O Mustang Mach-E chega oficialmente as lojas norte-americanas no final de 2020 com preços que partem de US$ 43.895 e podem chegar até aos US$ 60.500 na versão topo de linha GT. Existe uma pequena e remota chance do modelo vir ao Brasil, caso a Ford decida produzir o Mach-E no México, o que facilitaria sua vinda para cá.

Veja mais:

>> Ford prepara Mustang com motor elétrico de 900 cv

>> Conheça a história do Mustang 00001

>> Hennessey coloca 1.217 cv no Mustang GT 500

Sobre o autor

Kleber Silva

Kleber Silva

Comente

Clique aqui para comentar

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva