Destaque Novidades

JAC E-J7 quer brigar com Audi e BMW usando a eletricidade

Com o título de carro chinês mais caro à venda no Brasil, o sedã elétrico JAC E-J7 quer fatia de mercado dos sedãs a combustão
JAC E-J7 [divulgação]
JAC E-J7 [divulgação]

Há tempos a JAC investe somente em SUVs e modelos comerciais no Brasil – quer sejam elétricos ou a combustão. Contudo, a marca chinesa oficializou o lançamento do sedã E-J7 em versão totalmente elétrica e com uma proposta ousada: ser rival de BMW Série 3, Audi A4, Mercedes-Benz Classe C e até do eletrificado Honda Accord e:HEV.

Custando R$ 259.900, o JAC E-J7 já chega com o título de carro de passeio chinês mais caro do Brasil. Mas preenche um nicho de mercado que as marcas generalistas já abandonaram: o de sedãs grandes. Fora a Honda com o Accord e:HEV de R$ 299.990, só a JAC com o elétrico E-J7 entra nessa categoria. Em preço, no entanto, eles brigam com BMW Série 3 e companhia.

Com porte generoso, o JAC E-J7 conta com 4,77 metros de comprimento, 1,82 m de largura e 2,76 m de entre eixos. O motor é um elétrico de 192 cv e 34,6 kgfm de torque. Com ele, o sedã chega aos 100 km/h em 6,4 segundos e pode rodar até 402 km com carga completa, graças às baterias de 50,1 kWh.

JAC E-J7 [divulgação]
JAC E-J7 [divulgação]

Toques Volkswagen

Visualmente o modelo tem desenho bastante ousado e moderno. Ele é o primeiro sedã da JAC desenvolvido com a Volkswagen e traz nítida evolução de projeto. A dianteira traz uma textura no lugar da grade frontal e abertura para o carregamento. O para-choque tem entradas de ar pequenas e com estilo parecido com as usadas no Volkswagen Nivus.

O perfil cupê é reforçado pela linha de cintura alta e vidro traseiro bastante inclinado. O teto traz pintura contrastante como nos SUVs. Outro elemento dos utilitários é a lanterna traseira conectada. Tampa do porta-malas sobe junto do vidro como em um hatch.

JAC E-J7 [divulgação]
JAC E-J7 [divulgação]
Mais sofisticada que o padrão da JAC, a cabine tenta seduzir os compradores de modelos de luxo com tecnologia. A central multimídia é uma tela vertical de alta definição que deve contar com Android Auto e Apple CarPlay no Brasil. Há muito couro no painel e nas portas, mas o volante é o mesmo de praticamente todos os modelos da JAC.

A pré=venda já começou nas concessionárias da JAC. Mas o lançamento oficial só ocorrerá em janeiro do próximo ano. Os modelos adquiridos agora serão entregues em março de 2022. O JAC E-J7 tem garantia de 5 anos.

JAC E-J7 [divulgação]
JAC E-J7 [divulgação]

>>BMW Série 3 é o Whopper do mundo dos carros | Avaliação

>>Volvo S60 Polestar tem múltiplas almas em um só carro | Avaliação

>>Honda Accord e:HEV não é mais o mesmo, mas isso é bom | Impressões

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar