Destaque Novidades

JAC terá novos carros elétricos para 2021, incluindo sedã e SUV renovado

Depois de renovar os SUVs T40, T50 e T60, a JAC anunciou que terá dois novos carros elétricos no Brasil no próximo ano
JAC iEV60 [divulgação]
JAC iEV60 [divulgação]

Se o ano de 2020 foi pouco movimentado para a JAC no Brasil, a virada no calendário promete mexer fortemente com as concessionárias da marca chinesa. Além da renovação dos SUVs T40, T50 e T60 de uma vez só, a JAC promete lançar dois novos carros elétricos no nosso país já no próximo ano.

O primeiro será o iEV60 reestilizado. Trata-se, na realidade, da versão a bateria do novo T60 Plus e que a JAC aposta que será seu modelo elétrico mais vendido. Hoje custando R$ 229.900, ele deverá aumentar de preço quando o renovado vier, algo programado para entre abril e maio de 2021.

JAC iEV60 [divulgação]
JAC iEV60 [divulgação]
Ironicamente, lá na China, a JAC vende o iEV60 com o visual atualmente oferecido no Brasil. Essa variante renovada é exclusiva da SOL, a marca criada junto com Volkswagen. Mas, para alinhar com o T60 a combustão, o SUV elétrico terá visual renovado por aqui.

Ele manterá o motor elétrico de 150 cv e 34,5 kgfm de torque atualmente oferecido. A autonomia declarada é de 400 km e a prova dos 0 a 100 km/h é cumprida em 7,5 segundos, sendo ele o carro mais rápido da JAC (incluindo elétricos) oferecido atualmente no Brasil.

JAC iC5 / iEV70 [divulgação]
JAC iC5 / iEV70 [divulgação]

JAC voltará a ter sedãs

Além do novo iEV60 reestilizado, a JAC promete voltar ao segmento de sedãs em 2021. O ano será marcado pela estreia do J7 e de seu irmão elétrico, atualmente chamado de iC5 na China ou SOL E50A.

É um sedã com porte intermediário entre o segmento de médios (Corolla, Civic e Cruze) e o dos grandes (Fusion, Accord e Camry). O visual cupê é contemplado pela traseira curta com vidro que se eleva junto à tampa do porta-malas.

Lá na China ele conta com motor de 192 cv e 34,5 kgfm de torque. Na variante JAC são 570 km de autonomia, enquanto no modelo SOL são 530 km. Ainda não está certo qual modelo virá ao Brasil, mas a JAC promete 0 a 100 em 7 segundos.

Atualmente o modelo cumpre a prova em 7,6 segundos, o que pode indicar que uma atualização para 204 cv e maior autonomia, como vinha sendo especulado pela mídia chinesa, pode estar por vir.

JAC iC5 / iEV70 [divulgação]
JAC iC5 / iEV70 [divulgação]
>>Avaliação: JAC T60 aposta em porte de Compass ao preço de Renegade

>>Primeiro JAC com plataforma Volkswagen será lançado em 2022

>>JAC apresenta novos T40, T50 e T60 de uma vez

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar