Especial Novidades

Porsche revela o Taycan, o elétrico anti-Tesla

Sedã 100% elétrico tem versão Turbo S com 761 cv e 107 kgfm de torque
Porsche Taycan Turbo (divulgação)

A Porsche revelou nessa semana seu primeiro modelo 100% elétrico: o sedã Taycan. A ideia da Porsche era ter um modelo a altura para competir com o Tesla Model S, mas logicamente trazendo sua esportividade com DNA alemão. O sedã é baseado no conceito Mission-E que foi mostrado pela primeira vez em 2015.

Porsche Taycan Turbo (divulgação)

O sedã com design futurista vem em duas versões a princípio – Turbo e Turbo S – o que não faz muito sentido, uma vez que não existe nenhum motor debaixo do capô – e sim baterias nos dois eixos, enquanto que debaixo do capô existe um segundo porta-malas. Mas peculiaridades à parte, a versão Turbo conta com 680 cv e 86,6 kgfm de torque, enquanto a versão Turbo S conta com 761 cv e 107 kgfm de torque.

Porsche Taycan Turbo S (divulgação)

Na versão Turbo S, o Taycan consegue fazer o 0 a 100 km/h em 2,8 segundos e atinge a velocidade máxima de 260 km/h – limitada eletronicamente. A potência nas duas versões é gerada por um poderoso sistema elétrico de 800 volts – algo inédito no ramo dos carros elétricos, que geralmente contam somente com sistemas de 400 volts.

Porsche Taycan Turbo S (divulgação)

Segundo a Porsche, isso permite que a bateria possa armazenar energia suficiente para 100 km em apenas cinco minutos usando um carregador de alta potência, ou 27,5 minutos para recuperar 80% de carga. Quando o assunto é autonomia, a versão Turbo pode rodar até 450 km, enquanto a topo de linha Turbo S tem autonomia de até 412 km.

Porsche Taycan Turbo S (divulgação)O interior do sedã aposta em tecnologia e sofisticação, mas ainda com uma pegada tipicamente Porsche. O quadro de instrumentos segue o mesmo padrão encontrado nos demais modelos da marca, enquanto o sistema multimídia pode ganhar duas telas – uma central, e outra voltada para o passageiro. Existe a possibilidade também de se comprar telas sensíveis ao toque para os ocupantes do banco traseiro. A Porsche também exalta o fato do Taycan ser o primeiro modelo a usar um material sintético chamado de Race-Tex, ao invés de utilizar couro animal.

Porsche Taycan Turbo S (divulgação)

A versão de “entrada” do Taycan vai chegar ao mercado norte americano por US$ 150 mil, enquanto a Turbo S vai custar US$ 185 mil – cerca de 20 mil dólares a mais do que a versão topo de linha do seu principal concorrente – o Tesla Model S.

Apesar da cifra alta, a Porsche já possui mais de 30 mil pedidos do Taycan. Segundo a marca, até o final do ano que vem serão lançadas versões mais baratas e “menos potentes”, além da versão perua Taycan Cross Turismo que terá apelo aventureiro. a Previsão de sua chegada ao mercado fica em 2020.

Veja mais:

>> Porsche Cayenne estreia versão híbrida no Brasil

>> Porsche 718 Cayman GT4 e 718 Spyder: 420 cv de emoção

>> Cayenne Coupé: o SUV “cupê” da Porsche

Sobre o autor

Kleber Silva

Kleber Silva

Comente

Clique aqui para comentar

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva