Destaque Novidades

Caoa Chery lança Arrizo 6 por R$ 98,4 mil

Sedã médio chega em julho e concorrerá com a dupla Civic e Corolla; versão única GSX é recheada de tecnologia
Caoa Chery Arrizo 6 (divulgação)

Não foi bem assim que a Caoa Chery imaginou lançar sua grande cartada para o segmento de sedãs médios. Mas, por conta da pandemia instaurada pelo novo Coronavírus, o Arrizo 6 precisou chegar ao mercado de maneira discreta, por meio de live. Contudo, isso não o torna menos importante, afinal, promete acirrar a disputa no mercado de sedãs médios com o preço promocional de R$ 98,4 mil. Depois, o valor sobe para R$ 108.750.

Caoa Chery Arrizo 6 tem barra cromada que liga as lanternas traseiras (divulgação)

Pelo montante, R$ 7.590 mais barato que o rei da categoria Toyota Corolla, o Arrizo 6 chega às concessionárias da marca a partir da primeira semana de julho para tentar abocanhar, ao menos, 2% do segmento de sedãs médios, que é responsável por cerca de 21% dos emplacamentos totais do país.

Produzido na fábrica de Jacareí (SP), o novato, feito com base na plataforma global M1X, já chega com o título de maior porta-malas do segmento. O latifúndio escondido sob a tampa traseira abriga até 570 litros. No total, o carro tem 4.67 metros de comprimento.

Design
O Caoa Chery Arrizo 6 apostou forte em design e, a exemplo da versão vendida na China, traz o conceito de sedã fastback, com caída do teto acentuada e traseira curta. De acordo com a marca, é também uma forma de melhorar a eficiência aerodinâmica – o coeficiente de arrasto do modelo é de 0,28 Cx.

Na frente, a grade frontal abriga uma barra cromada que vai de um farol ao outro, sustentando o logotipo da Caoa Chery ao centro. No para-choque, que traz detalhes em tom negro, tem luzes diurnas iluminadas por LEDs.

Barra cromada une faróis dianteiros (divulgação)

Tecnologia
Vendido em versão única de acabamento (GSX), o Arrizo 6 segue a cartilha dos chineses e vem completo de fábrica. Na lista de série, câmera 360 graus, comando de climatização à distância, freio de estacionamento com acionamento eletrônico e função Auto Hold, destravamento das portas por sensor de aproximação e rebatimento elétrico dos retrovisores.

Câmera 360 graus é item de série no sedã médio da Caoa Chery (divulgação)

Como não poderia ser diferente – afinal, a conectividade é um quesito de extrema importância para o sucesso de um produto nos dias de hoje -, o concorrente de Corolla, Civic e Cruze tem central multimídia com tela de 9″ e sistema Apple Car Play, espelhamento de celular Android, bluetooth, além de controle do ar-condicionado (que tem saída para os passageiros traseiros) e das configurações do veículo.

No quadro de instrumentos, uma tela de LCD com 7″ exibe as informações do computador de bordo e, espalhadas pelo habitáculo, estão as três portas USB – duas na frente e uma atrás.

Quadro de instrumentos tem tela digital ((divulgação)

Aliás, o interior do Arrizo 6 (tem 2,65 metros de entre-eixos) buscou inspiração em modelos europeus para apostar em requinte. Para se ter ideia, até o controle da climatização é feito por meio de uma tela touch screen.

Painel tem faixa iluminada e tela central touch screen de 9″ (divulgação)

A marca promete material premium nos bancos, volante e detalhes do painel, que tem iluminação. Mas isso não podemos precisar, afinal, o contato com o carro ainda não foi possível, por conta do risco de contágio da Covid-19.

Tem ainda: teto solar elétrico, rodas de liga leve 17 polegadas, sensor de estacionamento traseiro, direção elétrica, controlador de velocidade, sistema auxiliar para partida em aclives, acendimento automático dos faróis e volante multifuncional com regulagem de altura.

Para a segurança, o comprador pode contar com detalhes importantes como aço de alta resistência em mais de 60% da estrutura do veículo. E, em relação a equipamentos, tem air bag para os ocupantes dianteiros, de cortina e laterais – totalizando seis bolsas. A sopa de letrinhas é composta por controle eletrônico de estabilidade e de tração, freio a disco nas quatro rodas com antitravamento e distribuição de força, indicador de cinto (motorista e passageiro), portas abertas, e de pressão e temperatura dos pneus, e também sistema Isofix para fixação de cadeirinha de criança.

Motor turbo tem 150 cv de potência máxima (divulgação)

Motor
Assim como no irmão menor – Arrizo 5 – o acionamento do motor 1.5 Turbo Flex é feito por botão. Em trabalho conjunto com a transmissão CVT (continuamente variável) de 9 velocidades, o propulsor gera 150 cv (bebendo etanol) ou 147 cv, quando abastecido com gasolina. O torque máximo é sempre de 21,4 kgfm a breves 1.750 giros.

O propulsor permite dois modos de condução: ‘Sport’ e ‘Eco’. Este último, aliás, torna o consumo mais eficiente. Segundo medições do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), o sedã faz, na cidade, 11 km/l (gasolina) e 7,6 km/l (etanol) e, na estrada, os números são de 13,3 km/l (g) e 9,4 km/l (e).

São cinco cores para a carroceria (divulgação)

Cores e garantia
O Arrizo 6 disponibiliza cinco diferentes tons para a carroceria: dois tons de branco (sólido e perolizado), preto, cinza metálico e prata metálico. São três anos de garantia para o veículo completo e cinco anos para motor e câmbio.

Veja mais:

>> Arrizo 6 chega amanhã para encarar Corolla e Civic

>> Fiat Strada chega com pegada lifestyle

>> Avaliação: Chevrolet Onix tem bons motivos para ser o mais vendido do Brasil

Sobre o autor

Vagner Aquino

Vagner Aquino

Comente

Clique aqui para comentar

Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva