Destaque Novidades

Chevrolet Equinox 2025 terá base de Onix e sete lugares

Quarta geração do Chevrolet Equinox passará por importantes mudanças e conviverá com o modelo atual
Chevrolet Equinox [divulgação]
Chevrolet Equinox [divulgação]

Ainda faltam cinco anos para o lançamento da nova geração do Chevrolet Equinox, mas os planos para o SUV médio já estão traçados. Ele trocará a plataforma de Cruze pela base do Onix e, para se igualar aos principais rivais, terá espaço para sete ocupantes. Antes disso, porém, o Brasil receberá o Equinox reestilizado que ilustra a matéria.

Segundo o site GM Authority, o novo Equinox não crescerá a ponto de migrar de categoria, mas será o suficiente para conseguir carregar dois passageiros a mais no porta-malas. Isso será possível graças à plataforma VSS-F que hoje serve de base para Chevrolet Onix, Onix Plus, Tracker, Trailblazer (americano) e os Buick Encore e Encore GX.

Hoje o segmento de SUVs médios é dividido em duas pontas: dos modelos menores como Jeep Compass, Volkswagen Tarek, Peugeot 3008 e Ford Territory, enquanto a outra ponta com utilitários maiores como Volkswagen Tiguan, Peugeot 5008, Honda CR-V, Chevrolet Equinox e Toyota RAV4.

[divulgação]
[divulgação]
O território dos SUVs médios maiores, em geral, traz configuração de sete lugares ou ao menos está preparada para isso. Com a chegada do Trailblazer americano para preencher a lacuna de baixo, o Equinox poderá ganhar mais espaço para carregar sete pessoas. Hoje apenas os gigantescos Traverse, Tahoe e Suburban carregam sete pessoas no portfólio Chevrolet.

Sem motor de Camaro

O novo Chevrolet Equinox 2025 abrirá mão de vez do motor 2.0 quatro cilindros turbo do Camaro, que já foi descartado para o modelo reestilizado. Permanecerá em linha somente o 1.5 quatro cilindros turbo que recentemente chegou ao Brasil com 172 cv.

Como a nova plataforma é mais leve, existe a chance também de o Equinox adotar o motor 1.2 três cilindros turbo usado pelo Tracker nas versões mais caras. As variantes de entrada do SUV médio seriam servidas por 132 cv.

[divulgação]
[divulgação]
Quando chega ao Brasil?

Em virtude de o Chevrolet Equinox ser produzido em três fábricas diferentes, existe a chance de que a quarta geração conviva com a terceira por um bom período. Hoje ele é feito em Ramos Arizpe e San Luís Potosí, ambos no México, além da fábrica canadense de Ingersoll.

Como o Equinox brasileiro é importado do México, dependemos somente do início da produção do novo modelo em uma das plantas mexicanas para que ele chegue renovado ao nosso país.

[divulgação]
[divulgação]
Segundo o GM Authority, as fábricas mexicanas começam a fazer o Equinox de quarta geração em maio de 2024 (Ramos Arizpe) e novembro de 2024 (San Luiz Potosí). Então é bastante provável que o novo Chevrolet Equinox desembarcará aqui em 2025. No Canadá a produção começa em fevereiro de 2025.

>>Chevrolet Equinox ganha motor 1.5 Turbo de 172 cv

>>Chevrolet Onix volta a ser líder de mercado e VW T-Cross cai

>>O Fiat que virou Daewoo e Chevrolet para depois ser copiado pela Chery

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar