Destaque Novidades Serviço

Contran acaba com obrigatoriedade do simulador

Alunos de auto-escolas não precisam mais do simulador para tirar a CNH
Simulador Autoescola (divulgação)

Em comunicado anunciado nesta quinta-feira – 13 de junho – o Contran – Conselho Nacional de Trânsito – decidiu que o uso de simuladores para formação de condutores não será mais obrigatório. Segundo Tarcísio de Freitas, ministro da Infraestrutura, a decisão tem por objetivo desburocratizar a formação do condutor.

Além dessa mudança, serão reduzidas as horas-aula que passarão de 25 para 20 horas – sendo que as antigas 5 horas eram dedicadas ao simulador. Como não foi comprovado que o simulador era de fato eficaz na formação de novos motoristas, o governo decidiu intervir e revogar o uso dos simuladores, que agora passam a ser opcionais para quem estiver querendo tirar a CNH.

Carteira Nacional de Habilitação (divulgação)

A medida começa a valer dentro de 90 dias, e também tem como objetivo reduzir os custos finais, que em alguns estados podem ultrapassar os R$ 2 mil reais para se tirar a CNH. Segundo o governo, estudos foram feitos, e comprovaram que simuladores não eram exigidos em autoescolas de outros países, muito menos de países com baixos índices de acidentes de trânsito.

Veja mais:

>> Os itens alterados no veículo que podem causar acidentes, veja lista

>> Bolsonaro pretende aumentar validade da CNH de 5 para 10 anos

>> Férias: saiba como transportar sua bicicleta no carro

Sobre o autor

Kleber Silva

Kleber Silva

Comente

Clique aqui para comentar

Encontre peças e acessórios





Vídeo

Triumph T120 Black: uma clássica Bonneville com pegada agressiva