Destaque Novidades

Fiat 500 3+1 herda da antiga Fiat Strada as portas suicidas

Nunca na história do Fiat 500 ele teve uma versão com mais de duas portas, agora usa recurso da antiga Strada para adicionar praticidade
Fiat 500 3+1 [divulgação]
Fiat 500 3+1 [divulgação]

Pequeno por natureza desde os primórdios, o Fiat 500 é um compacto para duas pessoas e corajosos passageiros que se arriscam no banco de trás. Para facilitar o acesso à segunda fileira, a Fiat ressuscitou um recurso abandonado pela picape Strada.

Batizado de Fiat 500 3+1, o subcompacto elétrico usa portas traseiras do tipo suicida. Ao contrário do que parece, elas têm esse nome exótico pois são abertas ao contrário. Por isso, a coluna B é conjugada à porta traseira: tal qual acontecia com a Fiat Strada antiga.

Fiat 500 3+1 [divulgação]
Fiat 500 3+1 [divulgação]
Segundo a marca italiana, o recurso adicionou apenas 30 kg ao peso total do novo 500 elétrico. Apesar disso, não foram feitas alterações de medidas ou em outras partes do hatch retrô além, obviamente, da nova porta do lado direito.

Outras heranças da Fiat Strada

O Fiat 500 3+1 estreia na série especial La Prima, equivalente à Opening Edition dos Fiat brasileiros. Ele traz as cores Rose Gold, Azul Glacier ou Preto Onyx como únicas opções. Já as rodas de liga-leve de 17 polegadas têm desenho exclusivo e acabamento diamantado. Por fora o estilo ainda é marcado pelo friso cromado nas portas na altura da maçaneta.

Fiat 500 3+1 [divulgação]
Fiat 500 3+1 [divulgação]
Com finalidade de deixar o elétrico mais sofisticado, a versão de lançamento conta com bancos revestidos em couro ecológico com o nome Fiat costurado na parte interna. O volante traz acabamento bicolor que combina com o tom dos bancos.

Junto a isso está uma recheada lista de itens de série contendo sistema de câmeras 360°, chave presencial por relógio inteligente, retrovisor eletrocrômico, bancos dianteiros com ajustes elétricos em seis posições.

[divulgação]
[divulgação]
Além disso, ele traz piloto automático adaptativo, assistente de manutenção em faixa, reconhecimento de placas de trânsito, detecção de pedestre, câmera traseira HD, park assist, monitoramento de ponto cego e faróis full-LED.

Semelhantemente à Fiat Strada, a central multimídia uConnect de 7 polegadas do 500 3+1 traz Android Auto e Apple CarPlay sem fio. Contudo, no hatch elétrico ela ganha tela de 10,25 polegadas de alta definição e GPS online.

[divulgação]
[divulgação]

Três versões e uma série especial

Seguindo o portfólio de versões do Fiat 500 elétrico hatch e do conversível, o 3+1 conta com três variações. O Action tem 95 cv e autonomia para 180 km, com 0 a 100 km/h cumpridos em 9,5 segundos.

Já na versão intermediária Passion e na topo de linha Icon, além da série especial La Prima, o Fiat 500 elétrico entrega 118 cv. Assim, a autonomia sobe para 320 km. Segundo a Fiat, essa versão atinge 100 km/h m 9 segundos.

Por fim, a marca italiana promete 50 km de autonomia em apenas 5 minutos de carga em carregadores rápidos, mas são necessários 35 minutos na tomada para ter 80% de carga recuperada. [divulgação]

[divulgação]

>>Fiat Cronos GSR morre e decreta fim do câmbio automatizado no Brasil

>>Avaliação: Fiat Strada Freedom é excelente, mas não compensa

>>Fiat Mobi 2021 ganha toques de SUV e fica mais caro que o Kwid

Sobre o autor

João Brigato

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar