Destaque Novidades

Kia Carens volta como veículo recreacional, mas é minivan rival da Spin

A Kia acha que minivan é uma palavra proibida, tanto que chama a nova Carens de veículo recreacional, mesmo sendo uma rival da Spin
minivan Spin
Kia Carens 2022 [divulgação]

Se antigamente os termos minivan e monovolume eram algo da moda, hoje em dia é visto como pejorativo para algumas montadoras. Especialmente para a Kia, que agora lança sua segunda minivan na linha, mas que faz questão de não chamá-la assim. Apresentada na Índia, a nova Kia Carens é um veículo recreacional e não se atreva a dizer que é uma minivan.

Ainda que a Kia não tenha explicado o que veículo recreacional quer dizer, a Kia Carens mescla alguns elementos de SUV para tentar disfarçar seu uso como minivan. Ela tem a mesma plataforma do Seltos, suspensão elevada e plásticos pretos na parte inferior da carroceria. Isso contribui para o visual ousado do modelo.

A dianteira é marcada pelos faróis divididos em duas partes. A sessão superior de LED serve como luz diurna. A segunda metade, separada por um friso cromado, se disfarça em uma moldura preta. Na grade frontal principal, localizada no para-choque, as luzes de neblina se camuflam em uma sessão na parte inferior.

minivan
Kia Carens 2022 [divulgação]
De lado, o perfil lembra bastante o da Chevrolet Spin: capô curto, carroceria elevada, linha de cintura alta e traseira praticamente reta. Já a traseira é bem ousada. As lanternas ficam espichadas pelas laterais e se ligam na tampa do porta-malas. O visual lembra o novo Sportage, mas com uma cara mais familiar, como uma minivan (desculpa, Kia).

Aqui é minivan mesmo

Se por fora a Kia Carens é ousada, por dentro ela apela para um lado mais elegante. O painel de instrumentos é digital, mas bastante simplório – quase como no Dacia Spring, o Renault Kwid elétrico. Ele fica ligado visualmente à central multimídia por uma moldura preta brilhante.

Kia Carens 2022 [divulgação]
Kia Carens 2022 [divulgação]
Comandos de acesso estão localizados à frente da manopla de câmbio em um patamar elevado. Há ainda luzes ambiente com 64 cores diferentes e partida por botão próximo à porta – no melhor estilo Porsche. Na parte tecnologia, ela conta com sistema de som Bose, assistente de partida em rampa e assistente de frenagem de emergência.

Debaixo do capô estão os mesmos motores que o Hyundai Creta usa na Índia. As versões de entrada da nova minivan da Kia contam com um 1.5 quatro cilindros aspirado de 115 cv e 14,7 kgfm de torque. Para quem precisa de diesel, a opção também é 1.5 com 115 cv, mas o torque sobe para 25,5 kgfm.

Kia Carens 2022 [divulgação]
Kia Carens 2022 [divulgação]
Há ainda um 1.4 quatro cilindros turbo de 140 cv e 24,6 kgfm de torque que pode ser usado no futuro Hyundai Creta N-Line flagrado no Brasil. Para as versões a gasolina, o câmbio é manual de seis marchas. Contudo, o modelo turbo pode receber uma transmissão de dupla embreagem de sete marchas. Já a Carens diesel é sempre automática de seis marchas.

>>Kia Carnival tem porta que pode sair voando sozinha

>>Kia Rio e outros 5 hatches que morreram com uma geração no Brasil

>>Kia cancela caminhonete rival de Toyota Hilux e Ford Ranger

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar