Destaque Novidades

Depois de 14 anos, Toyota finalmente renova o gigantesco Land Cruiser

Um dos maiores SUVs da Toyota, o Land Cruiser está no panteão dos modelos mais emblemáticos do mercado
Toyota Land Cruiser 2022 [divulgação]
Toyota Land Cruiser 2022 [divulgação]

No mundo dos SUVs, são poucos os modelos que tem um legado pesadíssimo para carregar nas costas. Modelos como Mitsubishi Pajero, Land Rover Defender, Jeep Wrangler e Ford Bronco praticamente definem todo passado e presente das marcas quanto aos utilitários. E é assim com o Toyota Land Cruiser.

O emblemático SUV finalmente ganhou uma nova geração depois de 14 anos à base de retoques, plásticas e botox. Baseado em uma nova plataforma de chassi sob carroceria, o Land Cruiser 2022 chega repleto de tecnologia, mais conforto, motores mais potentes e até mesmo uma versão GR Sport.

Quadrado parrudo

O primeiro ponto em que chama atenção no visual do SUV é a grade frontal. Ela é cromada, enorme e conta com duas aberturas extras nas laterais. Elas se integral aos faróis que agora trazem iluminação full LED. Na versão GR Sport, a luz diurna do Land Cruiser se alinha com o único filete cromado da grade, que traz o nome Toyota estampado, ao invés do logo oval.

Toyota Land Cruiser 2022 [divulgação]
Toyota Land Cruiser 2022 [divulgação]
Com carroceria quadrada e parruda, o Land Cruiser mantém o estilo dos SUVs de antigamente. A linha de cintura é baixa, a área envidraçada é mais que generosa e os para-lamas são bem marcados e quadrados. Na traseira, lanternas altas e retangulares marcam presença.

Mas o grande upgrade do Land Cruiser 2022 está no interior. Mantendo a aparência robusta de antes, ele elevou o nível de sofisticação para justificar o preço alto. Ele traz agora painel todo forrado em couro com costuras aparentes. A parte central é destacada com acabamento em metal.

Toyota Land Cruiser 2022 [divulgação]
Toyota Land Cruiser 2022 [divulgação]
Já os comandos do ar-condicionado têm acionamento por botões e foram posicionados no alto, junto das saídas de ar. A central multimídia com Android Auto e Apple CarPlay é flutuante e de alta definição. Há ainda espaço para carregador de celular por indução e um enorme console central com porta-objetos.

Sai V8, entra V6

A Toyota trocou o motor 5.7 V8 aspirado por um novo V6 3.5 biturbo. Apesar dos dois cilindros a menos e do deslocamento substancialmente reduzido, o Land Cruiser ganhou 30 cv e 11,1 kgfm de torque a mais. Assim, agora ele entrega 409 cv e 66,3 kgfm.

Ele é gerenciado por uma transmissão automática de dez marchas e é capaz de levar o gigantesco SUV a 100 km/h em apenas 6,7 segundos. Considerando que ele é um mamute de mais de 2 toneladas, é um ótimo número. Para quem prefere diesel, o 3.3 V6 biturbo entrega 305 cv e 71,4 kgfm.

>>Corolla e Corolla Cross vendem praticamente o mesmo em maio

>>Toyota RAV4 agora é vendido em versão única no Brasil por R$ 276.440

>>Picape Kia rival de Ford Ranger, Chevrolet S10 e Toyota Hilux atrasou

Sobre o autor

João Brigato

Comente

Clique aqui para comentar